Esposa de Alex Saab está na embaixada de Cabo Verde em Cuba para pedir um visto para visitar o marido, o que lhe vem sendo recusado

5/10/2021 16:40 - Modificado em 5/10/2021 16:40
| Comentários fechados em Esposa de Alex Saab está na embaixada de Cabo Verde em Cuba para pedir um visto para visitar o marido, o que lhe vem sendo recusado

As autoridades cabo-verdianas continuam a não dignificar o estatuto de Estado de Direito que o país conquistou perante a comunidade internacional, recusando ao enviado especial da Venezuela, detido na ilha do Sal desde Junho de 2020, e aos seus familiares, a satisfação dos mseus direitos mais fundamentais.

Desta feita, trata-se da recusa à esposa de Alex Saab e aos filhos do casal, de um visto de entrada em Cabo Verde, para visitarem o esposo e progenitor, de cujo convívio encontram-se privadas há cerca de um ano e meio.

Camila Saab encontra-se com as duas filhas em Cuba, onde se localiza a embaixada de Cabo Verde mais próxima do seu país, para obter um visto que lhe permita deslocar-se ao arquipélago, na sequência de promessas que lhe terão sido feitas, nesse sentido, pelas autoridades nacionais.

Acontece que, segundo a esposa de Alex Saab, o consulado cabo-verdiano em Havana não lhe atribui a referida autorização de entrada, sem avançar qualquer motivo plausível e alegando desconhecer qualquer promessa ou indicação emanada da cidade da Praia.

“Isto é repugnante dada a distância que percorri para chegar aqui com as minhas duas filhas pequenas e dada a deterioração do estado de saúde do meu marido”, desabafou Camila Saab numa mensagem dirigida ao povo cabo-verdiano, ao qual pergunta se está ciente do que os seus líderes estão a fazer à reputação do país”.

“É este o tipo de comportamento pelo qual Cabo Verde quer ser conhecido (?), questiona ainda, dizendo esperar que o bom senso prevaleça e pedindo aos cabo-verdianos que convençam ao seu Governo a mostrar “compaixão e humanidade”.

  1. Sindy Cato

    Es inhumano lo que están haciendo. Alex Saab merece ver a su esposa he hijas.

  2. Sindy Cato

    El consulado caboverdiano debe otorgar el permiso para que Saab pueda ver a su familia.

  3. Juliett Ramírez

    Para nadie es un secreto las injusticias que se han venido cometiendo contra el Diplomático Alex Saab en Cabo Verde. Secuestrado, torturado, y con una condición de salud delicada, de la cual le han negado atención médica.
    Su familia no lo ve desde que fue injustamente detenido desde el 12 de junio de 2020. Es su derecho recibir visitas de sus familiares. Aquí queda más que evidente que este secuestro es un hecho político planeado por EEUU. Que el mundo entero se una a esta causa. Porque lo que ocurre hoy en Cabo Verde contra el Diplomático Alex Saab es una alerta para todos los pueblos del mundo que deciden ser soberanos e independientes.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2021: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.