Programa YouthConnekt- Cabo Verde disponibiliza 1.500 mil dólares a associações juvenis

21/12/2022 01:28 - Modificado em 21/12/2022 01:28
| Comentários fechados em Programa YouthConnekt- Cabo Verde disponibiliza 1.500 mil dólares a associações juvenis


O Governo oficializou esta terça-feira, a assinatura de financiamento a 15 associações e grupos juvenis, no âmbito do “Programa YouthConnekt Cabo Verde” no montante de 1.500 mil dólares, financiados pelo Escritório Conjunto das Nações Unidas.

A Fundação Orlando Pantera, a Associação Escola EFAT, Freestyle is the Future, a Santo Amaro, a Associação de Desenvolvimento Comunitário, a Associação Corda, o Grupo Powa Mindelo, o Maio Business Center, a Associação de Cinema e Audiovisual de Cabo Verde, a Associação Geração Brigth, a Oiá 2022, a ACUDE, a Pó de Terra, a Aminga e a Universidade Africana são as corporações contempladas.

O Programa YouthConnekt Cabo Verde conta com a parceria técnica e financeira do PNUD, da Unicef e da UNFPA, tendo o Instituto do Desporto e da Juventude (IDJ) a competência de ajudar na definição das políticas públicas para a juventude.

O IDJ pretende com esta iniciativa a adopção de medidas de estímulo à participação cívica dos jovens em actividades culturais, políticas, sociais, económicas e educativas, bem como de apoiar técnica e financeiramente os programas desenvolvidos no âmbito do associativismo juvenil.

Neste projecto apoiou-se financeiramente 15 projetos e iniciativas de associações e grupos Juvenis, dos diferentes municípios, de “âmbitos e impactos positivos” na vida dos jovens, com o propósito de dar “respostas assertivas” aos desafios da Juventude.

O ministro-adjunto do primeiro-ministro para a Juventude e Desporto, Carlos Monteiro, enalteceu a importância deste projecto para a melhoria do empoderamento das associações juvenis com acções compactas na comunidade juvenil, no quadro de implementação de formações contínuas anualmente.

“Vamos continuar a reforçar este projecto durante 2023 e vamos lançar em Janeiro o novo programa de financiamento das associações juvenis, que tem projecto de impactos numa comunidade juvenil. Dizer que a partir de Janeiro de 2023 será através de uma plataforma que será lançada e no mesmo nos processos que serão abertos para a apresentação das associações”, explicou.

Em representação das associações e grupos beneficiados, o presidente da Associação de Cinema e Audiovisual de Cabo Verde, Júlio Silvão, destacou a importância deste projecto e da parceria com o IDJ, alegando que no caso da sua agremiação apresentou um projecto de concurso de filme universitário em curta metragem para o ano lectivo 2022/2023.

Inforpress

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2023: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.