“Não há desculpas”. Messi reage à derrota da Argentina no Mundial

23/11/2022 11:34 - Modificado em 23/11/2022 11:34

Lionel Messi reconheceu que a seleção argentina sofreu um “duro golpe” ao ser derrotada pela Arábia Saudita (1-2) na estreia no Mundial’2022, em jogo registado esta terça-feira. O astro argentino garante, porém, que os jogadores vão estar mais “unidos do que nunca” para responder da melhor maneira nos dois jogos que se seguem na fase se grupos. 

“Sabíamos que a Arábia Saudita era uma equipa com bons jogadores, que trocava bem a bola e que adianta muitos as linhas. Trabalhámos isso, mas não conseguimos acelerar. Não há desculpas. Vamos estar mais unidos do que nunca. Este é um grupo forte e já o demonstrou”, começou por dizer Messi, citado pelos canais oficiais da seleção argentina, prosseguindo. 

“É uma situação que não nos acontecia há muito tempo. Agora há que mostrar que somos um grupo de verdade. É um golpe muito duro para todos. Não esperávamos começar desta maneira, mas as coisas acontecem. Há que preparar o que aí vem. Temos que ganhar e só dependemos de nós”, concluiu Messi. 

Refira-se que Messi até marcou, mas não evitou a derrota da Argentina, naquela que foi a primeira grande surpresa do Mundial’2022. A seleção albiceleste volta a entrar em ação no sábado, diante do México. 

Comente a notícia

Obrigatório

Publicidades
© 2012 - 2022: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.