Ilha da Brava recebe meio naval para garantir evacuações médicas

8/11/2022 00:42 - Modificado em 8/11/2022 00:42
| Comentários fechados em Ilha da Brava recebe meio naval para garantir evacuações médicas

A Brava, considerada a mais isolada das ilhas cabo-verdianas, passou a contar com um meio naval da Guarda Costeira em permanência e vai receber um centro de saúde com valências de hospital, anunciou hoje o primeiro-ministro.

“De se recordar que a instalação de um Destacamento Militar e colocação de forma permanente de uma embarcação da Guarda Costeira na ilha da Brava foi resultado de um compromisso do Governo de Cabo Verde, mediante um estudo por uma comissão criada que garantiu a eficácia desta medida”, afirmou o primeiro-ministro, Ulisses Correia e Silva, que visita aquela ilha na segunda e terça-feira.

O navio “Ilhéu dos Pássaros”, da Guarda Costeira, está desde domingo no porto da Furna, no âmbito da instalação na ilha deste Destacamento Militar, que visa assegurar as transferências de doentes para os hospitais do Fogo ou da Praia, bem como para patrulha na área das ilhas do Fogo e da Brava

Com cerca de 6.000 pessoas, essencialmente na vila de Nova Sintra, a Brava é uma das ilhas mais isoladas de Cabo Verde, não dispõe de aeródromo ou de ligações marítimas regulares, o que tem provocado vários constrangimentos na realização de evacuações médicas para a vizinha ilha do Fogo.

“Esta ação resulta da implementação do Plano Estratégico de Desenvolvimento da Guarda Costeira [2017- 2027] aprovado e em vigor com intuito de garantir maior vigilância e fiscalização das atividades ilícitas que possam ocorrer na região, mas também para reforçar a capacidade do país de realizar mais operações de busca e salvamento e apoiar na proteção civil, bem assim, nas evacuações médicas”, justificou o primeiro-ministro, sobre a mobilização deste meio naval.

Além disso, acrescentou Ulisses Correia e Silva, na terça-feira vai ser apresentado o projeto de construção do novo Centro de Saúde da Brava, por se encontrar dependente do tratamento médico na vizinha ilha do Fogo:

“Estamos a falar da construção de um novo centro para a ilha Brava, com uma intervenção significativa ao nível das infraestruturas de cuidados primários e com valências de um hospital. O projeto já tem financiamento garantido pelo parceiro Luxemburgo”Lusa

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2022: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.