São Vicente: Os 61 motoristas contratados para trabalhar em Portugal ainda estão no país à espera dos vistos

19/10/2022 23:33 - Modificado em 19/10/2022 23:34
| Comentários fechados em São Vicente: Os 61 motoristas contratados para trabalhar em Portugal ainda estão no país à espera dos vistos

Os sessnta e um (61) motoristas contratados em São Vicente, pela empresa portuguesa Alsa Todi para garantir serviço na Península de Setúbal, que deveriam viajar em finais de Setembro, para Portugal, à procura de melhores condições de vida, ainda se encontram na ilha a espera dos vistos para seguirem viagem.

A informação foi avançada pela própria empresa que assegura os transportes públicos rodoviários ao serviço Carris Metropolitana. A empresa havia garantido, na altura que os vistos seriam emitidos pelas autoridades portuguesas para entrarem de imediato ao serviço.

De recordar que 30 destes profissionais estavam ao serviço da empresa de transporte público de passageiros, a Transcor. Uma informação avançada pelo NN e que foi posteriormente confirmada pela direcção, que avançou ainda que a situação acabou por causar diversos condicionantes a empresa.

Ainda nas últimas duas semanas a empresa contratou mais 20 motoristas, para juntar aos 61,que estão a aguardar a emissão de vistos”, disse à agência Lusa fonte oficial da Alsa Todi.

A mesma fonte segundo a agência de notícias portuguesa, garante que tem um responsável da empresa a acompanhar todo o processo em Cabo Verde. “Estamos empenhados em melhorar o serviço e continuamos a desenvolver esforços nesse sentido”, acrescentou.

Contactado pela agência Lusa, o Ministério dos Negócios Estrangeiros de Portugal confirmou que “o pedido de vistos [para os motoristas contratados pela Alsa Todi em Cabo Verde] deu entrada no escritório consular do Mindelo no passado dia 28 de Setembro”, adiantando que os referidos vistos “estão a ser processados para que o processo fique concluído o mais rapidamente possível”.

Mesmo sem ter ainda o quadro de motoristas necessários totalmente preenchido, a Alsa Todi garante que já houve uma melhoria substancial do serviço público de transportes rodoviários nas últimas semanas.

A melhoria no serviço da Alsa Todi, empresa que assegura os transportes públicos rodoviários nos concelhos de Setúbal, Moita, Montijo, Alcochete, Palmela e Barreiro, na área 4 da Carris Metropolitana, é confirmada pelos utentes e pela Câmara de Setúbal, embora todos sublinhem que ainda há muito para melhorar.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2022: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.