Contagem decrescente da Ocean Race 2023 já começou: PM espera visibilidade e notoriedade para Cabo Verde

19/10/2022 15:18 - Modificado em 19/10/2022 15:18
| Comentários fechados em Contagem decrescente da Ocean Race 2023 já começou: PM espera visibilidade e notoriedade para Cabo Verde


O Primeiro-Ministro (PM), Ulisses Correia e Silva, espera ter impactos importantes , como a visibilidade e a notoriedade de Cabo Verde na arena internacional, com a chegada, entre 20 e 25 de janeiro do próximo ano, à Ocean Race 2022-2023.

Conforme o chefe do executivo, que procedeu esta quarta-feira ao lançamento do Ocean Race, no Mindelo, “trata-se da maior Regata que se realiza a nível mundial”.

Para o PM, este será mais do que um momento de referência, de participação de Cabo Verde como um dos pontos da passagem da Regata.

Avançou que na Ocean Race vai estar associado a Ocean Summit, onde várias individualidades internacionais estarão presentes com temas importantes como a protecção dos Oceanos.

Ulisses Correia e Silva aproveitou para anunciar que está confirmada a vinda de dois Cruzeiros na altura, em janeiro, com mais de 3 mil turistas e que terão como destino a cidade de Mindelo.

Momento este que vai contar com a cobertura mediática de órgãos de comunicação sociais internacionais, como a CNN, a Times Magazine e a Eurosport que fará a transmissão da prova.

“Esta contagem decrescente tem o seu significado. Temos de acelerar e preparar a cidade para receber a prova e os turistas”, disse o governante que espera que o país possa tirar o melhor proveito com a realização desta Regata.

Espera ainda uma dinâmica diferente com hotéis praticamente todos esgotados, restauração, eventos culturais, tudo o que tem a ver com animação, entretenimento, “deve estar preparado para este grande momento que a cidade de Mindelo irá viver durante alguns dias”.

O governante disse estar seguro que depois da realização desta prova no país, São Vicente será seguramente uma grande marca para receber eventos náuticos.

“Queremos promover Cabo Verde, cada vez mais, como centralidade para receber eventos desta natureza e projectar o país a nível internacional”, afirmou.

Em janeiro de 2023, Cabo Verde acolhe a 14.ª edição da regata, que deve iniciar na Cidade Espanhola de Alicante, com direção ao nosso País, seguindo-se depois para a África do Sul, com paragem na Cidade do Cabo. Na Baía do Porto Grande, a regata tem paragem de 5 dias.

AC – Estagiária

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2022: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.