Ida Delgado: o cabo-verdiano que tem destacado e muito requisitado na arte de bolhas de sabão e não só, na Itália

9/10/2022 23:06 - Modificado em 9/10/2022 23:06
| Comentários fechados em Ida Delgado: o cabo-verdiano que tem destacado e muito requisitado na arte de bolhas de sabão e não só, na Itália


Desde 2013 que Idaletson Delgado, de 33 anos, reside na cidade de Turim, Itália, e tem aperfeiçoado as suas técnicas de fazer bolhas de sabão de vários tamanhos e cores diferentes.

Uma forma de arte que tem atraído pessoas de várias idades. Por conta do seu talento, os pedidos aumentaram e conseguiu expandir o seu negócio, adicionando assim outros serviços. Idaletson “Ida” Delgado, que nasceu em Santo Antão e viveu vários anos em São Vicente, é um das maiores atrações de várias cidades de Itália, principalmente de Turim.

O diferencial está naquilo que faz: bolhas de vários tamanhos e quanto maior, maior chama atenção de quem passa por ele, desde crianças até idosos.

No entanto, a sua maior preocupação tem sido outra: transformar o líquido para produção de bolhas, em algo mais natural possível. “Ainda estou a estudá-lo mais um pouco para substituir certas substâncias mas esta parte é um pouco complicada. Estou a estudá-lo com ajuda de um químico para saber se conseguimos substituir algumas das substancias”, explicou.

No tocante aos espectáculos de rua, indicou que têm sido com pouca frequência em
comparação com anos anteriores, já que cada vez mais está a ser requisitado para eventos
privados, tanto na Itália como na Suíça e França.

Na Suíça, os pedidos têm sido cada vez mais frequentes e tentar fazer de tudo para dar vazão aos pedidos e não importa de colocar os pés na estrada e fazer uma viagem de carro com duração de 4 horas. Se der ainda pode regressar a Itália no mesmo dia ou no dia seguinte.

Falou que recebe um valor 4 vezes mais do que na Itália, por exemplo. Ida sabe que o esforço é
compensado e o trabalho é valorizado e cada vez mais está seguro que vai consegui concretizar os sonhos.  
França e Suíça, para Idaletson, seriam os países ideais para trabalhar. “Já fui convidado a transferir meu negócio para França, mas recusei porque na Itália já tenho minha base e não quero novamente começar do zero”, disse. A prioridade para este jovem já não é somente espetáculos com bolhas. Recentemente inaugurou uma agência de animação e eventos e que por enquanto o pessoal que o ajuda faz o trabalho, através de prestação de serviço.

Já no final deste mês está prevista a inauguração oficial do seu espaço onde vai poder acolher eventos diversos.
No início do próximo ano perspectiva contratar pessoas para trabalhar com ele, constituindo assim uma equipa oficial para se ocupar da logística de eventos. “Este é o próximo passo. Os pedidos estão a aumentar e eu sozinho não vou conseguir dar conta do recado”.

Neste momento, este jovem prefere que seja por prestação de serviço “porque estou a estudar esse sistema para analisar se a procura acontece por período ou se é minha agência que está a crescer”.

Este cabo-verdiano disse que já organizou eventos até para celebridades, por exemplo, jogadores de futebol e cantores. Muitas mensagens de apoio e elogios, Ida Delgado sente que o seu trabalho tem sido muito valorizado e respeitado.  

“Eu gostaria de evoluir mais meu negócio e tentar levar meu projeto aqui na Itália para Cabo Verde. Está nos meus planos mas ainda não há uma previsão para quando. Acho que antes de dar este passo há muito que ponderar”, finalizou.  

Para além de Itália, este jovem artista cabo-verdiano já fez espetáculos em Portugal, França, Holanda, Espanha e agora na Suíça.

AC – Estagiária

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2022: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.