Dez ‘startups’ vão representar Cabo Verde na Web Summit 2022

4/10/2022 23:11 - Modificado em 4/10/2022 23:11
| Comentários fechados em Dez ‘startups’ vão representar Cabo Verde na Web Summit 2022

Dez ‘startups’ vão representar Cabo Verde na Web Summit 2022, considerada uma das maiores feiras de inovação, tecnologia e empreendedorismo, que acontece de 01 a 04 de Novembro, em Lisboa.

A Agritech Lda – com o projecto Agritech, o Banco do Tempo Lda – com o Banco do Tempo, Syntaxy Lda – com o Afrikan coders, Touris Travel Talks Lda – com o TourisTravelTalks, DevGo Lda – com o Projecto EZ2ID: Easy To Identify, CaboVerdeTour Lda com o CaboVerdeTour, J5 Developer CV – com o projecto Emigrante CV,  VALE CV Lda – com o VALE, Cartec, Lda – com o Panha Bentu e a Pratex Lda – com o projecto Pratex, são as soluções inovadoras, lideradas por jovens cabo-verdianos seleccionadas.

O processo da selecção aconteceu no âmbito da sexta edição do programa GoGblobal, operacionalizado pelo Cabo Verde Digital, um programa do Governo gerido pela Pró-Empresa e Direcção Geral das Telecomunicações e da Economia Digital (DGTED).

Omesmo tem como missão o desenvolvimento e a promoção de um ambiente propício para a inovação tecnológica em Cabo Verde, através de capacitação, desenvolvimento, e promoção do tecido empresarial nacional, em matéria de inovação tecnológica.

Em comunicado de imprensa, a Cabo Verde Digital explicou que após o processo de avaliação e selecção, que levou em consideração critérios como o alinhamento estratégico, o grau de inovação, o potencial de escala e o preparo para receber investimentos, foram escolhidas as dez ‘startups’ de cinco ilhas: Santiago, São Vicente, Sal, Fogo e Maio.

Durante o período de inscrições (18 de Agosto a 11 de Setembro), 30 ‘startups’ com soluções tecnológicas direccionadas para 12 áreas de impacto como Fintech, Ambiente e Energias, Segurança, Saúde e Desporto, Transporte, Turismo e Experiências, Agricultura, Cultura e Indústrias Criativas, Educação, Comércio e outros, submeteram as suas candidaturas.

Esta é a terceira vez que Cabo Verde vai estar como um stand a representar o país na Web Summit, onde pretende promover o ecossistema de inovação cabo-verdiano a nível internacional, através dos projectos das ‘startups’ seleccionadas, bem como dos parceiros do programa GoGlobal.

As duas últimas edições, 2019 e 2020, beneficiaram mais de duas dezenas de inovadores que puderam integrar uma delegação cabo-verdiana, chefiada pelo primeiro-ministro, Ulisses Correia e Silva.

Inforpress

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2022: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.