Cabo-verdiano é detido no Aeroporto de Lisboa por suposto assassinato de mulher grávida

18/08/2022 15:55 - Modificado em 18/08/2022 15:55
| Comentários fechados em Cabo-verdiano é detido no Aeroporto de Lisboa por suposto assassinato de mulher grávida

Um cabo-verdiano suspeito de assassinar a mulher grávida de oito meses esta terça-feira, 16, foi detido pela Polícia Judiciária de Setúbal, no Aeroporto Internacional de Lisboa quando tentava sair de Portugal.

Segundo informações recolhidas pela Inforpress, depois de cometer o crime, o suspeito publicou um ‘post’ na sua rede social Facebook, entretanto apagado, a anunciar o crime, o que levou os familiares a informar as autoridades policiais, temendo o pior, tendo em conta o que escreveu o namorado da vítima.

O suspeito, que será ouvido esta sexta-feira, 19, pelo Tribunal de Barreiro, segundo as autoridades, cumpriu as ameaças já que o corpo da mulher de 37 anos, grávida de oito meses, foi encontrado no Barreiro, com golpes no corpo, sobretudo na barriga, e o óbito confirmado pelo INEM.

De acordo com o jornal português Correio da Manhã, o suspeito contou que matou a namorada porque esta lhe colocava “remédio na comida” e porque ela estava grávida do filho que não era dele e que começou a namorar com “segundas intenções”.

Que fez o que fez porque o ameaçaram e teve que “agir primeiro”, lamentando “ninguém tem direito de tirar a vida de ninguém”, mas que “ela agiu de má-fé” e que também a “criança não merecia nada disso”.

Depois da publicação deste ‘post’, que apagou, e antes de ser detido, também em crioulo, publicou um outro a dizer “Bom pessoal paga kel poste pmd és ameaça nha familias la Cabo Verde. Pelo visto nka sabi kusé k djes fazi” (apaguei o post porque ameaçaram a minha família em Cabo Verde. Pelos vistos não sei o que já fizeram).

A publicação está a gerar revolta nas redes sociais, com vários comentários de ódio, mas também com lamento pelo sucedido, com as pessoas a pedirem justiça.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2022: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.