ERIS pede suspensão urgente do mercado todos os cosméticos que contem a substância cancerígena Butylphenyl Methylpropional

10/05/2022 15:46 - Modificado em 10/05/2022 15:46
| Comentários fechados em ERIS pede suspensão urgente do mercado todos os cosméticos que contem a substância cancerígena Butylphenyl Methylpropional

A Entidade Reguladora Independente da Saúde (ERIS) acaba de enviar uma circular a todos os operadores económicos na qual exorta-os a retirar do mercado um grupo de marcas de cosméticos cuja composição contém a substância cancerígena, Butylphenyl Methylpropional, conhecido comercialmente como Lilial.

São marcas de cosméticos comercializados no país e muitos usados, principalmente pelo público feminino e por conterem substâncias cancerígenas, explica, Eduardo Tavares, a ERIS já emitiu uma circular informativa a advertir todos os operadores económicos que devem imediatamente retirar do mercado nacional estes produtos.“

A ERIS tomou conhecimento da atualização das alterações do regulamento nº 1223/2009 de 30 de novembro.

O anexo 2 do regulamento proíbe utilização de substâncias cancerígenas, mutagénicas ou tóxicas para a reprodução, no qual se inclui esta substância, o Butylphenyl Methylpropional, bastante usada na produção de diversos cosméticos”, explicou.

Em caso do não cumprimento desta ordem por parte dos operadores económicos, sublinha aquele responsável, a ERIS vai agir em conformidade com a lei.“Nós acreditamos que os operadores económicos do setor da cosmética vão cumprir as diretrizes da circular informativa. Entretanto, nas próximas semanas está programado fiscalização no terreno por parte de inspetores da ERIS”, esclarece.

O PCA da ERIS aconselha as pessoas que suspendem o uso destas marcas de cosméticos sob pena de porem em causa a sua própria saúde. Portanto este responsável recomenda ver sempre na composição dos produtos a existência do Butylphenyl Methylpropional, que é considerada uma substancia perigosa.

ERIS manda suspender do mercado todos os cosméticos das marcas real natura, sunline e gota dourada por conterem a substancia Butylphenyl Methylpropional Esta substancia, também conhecido como Lilial, é um ingrediente (contido em fragrâncias) que tem sido usado há vários anos em diversos produtos cosméticos e não cosméticos.

No entanto, foram expressas algumas preocupações em relação ao uso deste ingrediente e dos seus riscos para os consumidores.

Em virtude das alterações introduzidas ao Regulamento CLP em 2020, o uso de Butylphenyl Methylpropional foi proibido em produtos cosméticos em vários países desde o dia 1 de março de 2022.

NN/RCV

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2023: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.