São Vicente: Figuras proeminentes lamentam morte de Dona Lili, “guerreira e Deusa” do carnaval mindelense

22/01/2022 19:17 - Modificado em 22/01/2022 19:18
| Comentários fechados em São Vicente: Figuras proeminentes lamentam morte de Dona Lili, “guerreira e Deusa” do carnaval mindelense

Algumas entidades importantes de São Vicente, e não só, dão o último adeus à mais conhecida figura de carnaval da ilha, com mensagens de profunda consternação. O falecimento da Maria Alice Freitas dos Santos Fortes, mais conhecida por Lili d’Chala, é visto por todos como uma grande perda para o carnaval da ilha do monte cara.

A Câmara Municipal de São Vicente, reconhece a figura de Dona Lili, uma mulher que não só fez muito pelo carnaval, mas por ser multifacetada e de características únicas.

“Dona Lili, como era carinhosamente chamada, era presidente do grupo carnavalesco Vindos do Oriente, mas também trabalhou como professora, cabeleireira, empresária e desportista”, refere publicação da autarquia, que lembra que Dona Lili era uma das “mais importantes figuras do carnaval são-vicentino”, ao liderar um dos maiores e mais premiados grupos da ilha

Para a autarquia, o falecimento desta ativista cultural é uma “perda irreparável” para Mindelo, sua terra natal, e era um “símbolo da mulher cabo-verdiana”, pela sua “fibra e frontalidade”, mas também de “amabilidade enorme e de fino trato”.

A página oficial do Ministério da Cultura, refere que Lili Freitas, “deixa em nós o brilho e a alegria” que sempre primou como destaque nos desfiles que organizou, de forma a melhor satisfazer “o povo, os amigos, os foliões e os sócios”.

“Direta, frontal, intelectualmente honesta, e o mais importante, com um Amor Incondicional pela tua Ilha”, são as palavras que o Clube Mindelense encontrou para descrever a essência desta mulher acarinhada por todos.

“Amada por muitos, mas com certeza respeitada por todos. A fibra que te caracteriza em todas as vertentes da tua vida, fez-se sentir também na vida do teu Clube de Coração a quem também deste “Tudo” incondicionalmente”, sublinha a nota do C.S Mindelense que reconhece a paixão que Lili Freitas depositou no clube e que promete retribuir com “empenho, dedicação e garra”.

Por outro lado, o Grupo Carnavalesco Cruzeiros do Norte, lamentou a perda e que o carnaval sanvicentino “perdeu muito, uma voz, uma Guerreira, ela que deu muito brilho, glamour para o desenvolvimento da nossa cultura”.

A Liga Independente dos Grupos de Carnaval de São Vicente (LIGOC-SV) considera a ativista “uma grande alma do Carnaval”, e que a contribuição na festa do Rei Momo, a nível da ilha e do país, é “imensurável”.

“A sua dedicação, paixão e vontade de fazer mais e melhor continuarão a contagiar todos nós que amamos o carnaval de São Vicente como ela amou”, menciona a Ligoc, que a considera “guerreira e Deusa” do carnaval mindelense.

Portanto, a Liga sublinha que o patamar atingido pelo carnaval se deve também muito à monstruosa obra que ela realizou através do Grupo Carnavalesco Vindos do Oriente.

Maria Alice Freitas dos Santos Fortes, mais conhecida por Lili d’Chala, faleceu esta madrugada, no Hospital Baptista de Sousa, vítima de covid-19.

AC – Estagiária 

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2022: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.