São Vicente recebe na sexta-feira a gala da segunda edição “Leciona, Prémio Professor Cabo-verdiano”

18/01/2022 00:07 - Modificado em 18/01/2022 00:07

A ilha de São Vicente vai receber na próxima sexta-feira, 21 de janeiro a gala da segunda edição do “Leciona, Prémio Professor Cabo-verdiano”, com cinco finalistas, das quais 3 de São Vicente, Fogo e Santo Antão com um cada.

Na primeira edição, que aconteceu em 2019, apenas poderiam candidatar os docentes do ensino básico obrigatório (do 1º até o 8º ano), mas este ano as candidaturas foram estendidas para os professores que lecionam até o 12º ano.

Neste certamente um conjunto de júris, fazem a avaliação de todo o trabalho pedagógico, não só a nível do contexto escolar, como também projectos desenvolvidos com as comunidades onde as escolas estão inseridas, podendo ser nas áreas social, do ambiente, cultural e cidadania, que impactam as comunidades.

O professor vencedor, segundo a organização poderá, ir às comunidades e fazer trabalhos sociais, culturais e ambientais.

No decorrer deste ano a directora do Museu de Educação, Clara Marques, afirmou que os prémios são, sobretudo, um ano sabático que o Ministério da Educação disponibiliza ao professor para não trabalhar na sala de aula e desenvolver o seu projecto nas várias escolas do país, a partir de um plano de acção que faz parte de um dos elementos da avaliação. 

“O professor que ganhar esse prémio tem que implementar o plano de acção que será avaliado”, prosseguiu.

Quanto a apoios, Clara Marques fala em “alguns parceiros”, dos quais espera a organização que ofereçam prémios aos professores.

O Prémio Professor Cabo-verdiano foi instituído pelo Museu da Educação (MEDUCA) e pela Associação para a Promoção do Património Educacional (ASPPEC), e conta com o alto patrocínio da Presidência da República, Gabinete do Primeiro-Ministro de Cabo Verde e do Ministério da Educação.

A professora do Liceu Domingos Ramos, Cidade da Praia, Silvina Andrade, foi a vencedora da primeira edição do prémio. Esta está, durante o ano de 2019/20, a partilhar as suas experiências com professores de outras escolas.

Comente a notícia

Obrigatório

Publicidades
© 2012 - 2022: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.