UCID – Faleceu fundador e militante Manuel dos Santos Delgado

9/01/2022 23:11 - Modificado em 9/01/2022 23:11



A União Cabo-verdiana Independente e Democrática mostrou-se hoje consternada com o falecimento do fundador e militante Manuel dos Santos Delgado, em Portugal, e que, segundo o partido, lutou pela independência e consolidação da democracia em Cabo Verde.

Através de uma nota enviada à Inforpress, a UCID (partido da oposição) destacou que Manuel dos Santos Delgado “foi um dos principais arquitectos da ideologia do partido porque ele e outros colegas reuniram-se, a 13 de Maio de 1978, naquilo que ficou conhecido pelo congresso de fundação da UCID”, em Roterdão, na Holanda.

“É uma grande perda para familiares e amigos dele, UCID, toda nação cabo-verdiana e mundo. Ele foi um colega de jornada que se dedicava à democratização de Cabo Verde, isto é, um Cabo Verde mais justo para todos os seus filhos”, lê-se na nota.

Conforme o partido, Manuel dos Santos Delgado, que era engenheiro, foi um cientista extraordinário, membro da Academia Científica da Bélgica, com vários trabalhos publicados. Estava reformado e residia em Portugal, após ter exercido, as suas funções de engenheiro electrotécnico, na maior empresa de electricidade da Bélgica.

“Neste momento de dor e separação, a UCID, em nome de todos os seus militantes, amigos e simpatizantes, apresenta as suas condolências e solidariedade aos familiares, amigos e conhecidos pela perda desta grande figura cabo-verdiana, militante fundador da UCID que, com abnegada dedicação, lutou para a independência e consolidação de uma democracia mais justa em Cabo Verde”, destacou o partido.

Comente a notícia

Obrigatório

Publicidades
© 2012 - 2022: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.