Corrida de São Silvestre: Artur Silva invencível conquista troféu de Tetra Campeão em São Vicente

31/12/2021 21:41 - Modificado em 31/12/2021 21:41

O atleta Artur Silva venceu, na tarde de hoje e pela quarta vez consecutiva, na categoria de sénior masculino, a corrida de São Silvestre em São Vicente, que teve como campeã em sénior feminino Itelvina Reis da ilha de Santo Antão.

Artur Silva representante da Escola de Atletismo Dimaz (AED) foi o primeiro a cortar a meta na Rua de Lisboa, no final da tarde desta sexta-feira, disse que o segredo do seu sucesso, é treinar muito, ter hábitos saudáveis e ainda muito foco, bem como a motivação constante da sua mãe, a quem dedicou a vitória e aos patrocinadores.

“Como detentor da prova, tinha a responsabilidade de continuar a treinar para ser campeão, eu treinei duro e isto foi o resultado de uma boa prova que fiz hoje”, assegurou o jovem.

Na categoria de sénior feminino, a vencedora foi Itelvina Reis do Concelho de Ribeira Grande, Santo Antão. A jovem de 20 anos, que no ano passado ficou em segundo lugar, disse que o foco durante o ano, foi treinar para vencer e conquistar a prova para a sua Escola o “JAL Domus Nostra”.

A nível dos juniores destacou-se os atletas, também da ilha da mesma escola, na ilha das montanhas, Tainara Cunha e Moisés Neves que disseram que, embora a corrida tenha sido difícil, não foi com muita surpresa que conseguiram cortar a meta em São Vicente e realçaram que esta conquista é uma motivação para continuarem a competirem e a “sonhar com outros voos”.

Jennifer Rodrigues a competir pelo terceiro ano na prova de São Silvestre, em veteranos, também teve a mesma “recompensa”, e garantiu que este ano, treinou “mesmo para ganhar”, referiu a atleta que venceu em veteranos no escalão, mais de 40 anos.

Em veteranos masculino Ailton Andrade (42 anos), voltou a vencer nesta categoria e conquistou o troféu de tricampeão. Este atleta vincou que esta era a melhor forma de fechar o ano.

Em todas as categorias, seniores feminino e masculino, a organização atribuiu prémios monetários e troféus aos primeiros classificados, nesta prova que, segundo o presidente da Associação de Atletismo de São Vicente, Arlindo Fonseca, teve um recorde de participações de atletas em seniores, veteranos e juniores.

Uma prova que a organização assegurou ter sido muito “bem disputada”, e fez um balanço positivo do evento, apesar dos constrangimentos que assombrou a corrida nas vésperas da sua realização, que não quis aprofundar.

Contudo, Arlindo Fonseca garantiu que a ilha de São Vicente, mais uma vez, saiu vitoriosa.

Esta corrida, que terminou nas últimas horas da tarde de hoje, teve o ponto de partida junto da Laginha, como sempre, depois passou por Chã de Alecrim, Madeiralzinho, Cruz, Rotunda de Ribeira Bote, Rua 1 em Monte Sossego, quartel dos bombeiros, e a meta em Lazareto.

O evento contou com a colaboração de parceiros como a Polícia Nacional, Forças Armadas, Cruz Vermelha, Delegacia de Saúde e os Bombeiros Municipais.

Elvis Carvalho

Comente a notícia

Obrigatório

Publicidades
© 2012 - 2022: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.