Grupo de cidadãos lança petição pública pedindo castração física e química para os abusadores sexuais

16/12/2021 01:36 - Modificado em 16/12/2021 01:36

O aumento e danos provocados pelas práticas de crimes do caráter sexual, leva um grupo de cidadãos a lançar uma petição pública para que essa “problemática e praga social” seja debatida no nosso parlamento e que também seja aprovada lei e ou decreto-lei que permite a castração física e química de todos os abusadores sexuais.

“É da consciência de todos os Cabo-verdianos o aumento e danos provocados pelas práticas de crimes do caráter sexual, ainda pior em menores de idades que lhes são arrancados a inocência” começa por dizer Marcelo Semedo um dos mentores da iniciativa lançada hoje e depois da recolha das assinaturas será entregue, nomeadamente, ao parlamento, Presidente da República e ao Tribunal,

Neste sentido, diz que está petição, é para que aja um envolvimento significativo de todos os Cabo-verdianos para que essa “problemática e praga social” seja debatida no nosso parlamento e que também seja aprovada lei e ou decreto-lei que permite a castração física e química de todos os abusadores sexuais.

“Nós precisamos disso, precisamos desta medida e punição para contar com mais uma poderosa arma de protecção aos nossos habitantes. Não é preciso nem escrever muita coisa, todos nós já estamos cientes dessas barbaridades e de como ela machuca as pessoas e empobrece a nossa sociedade” realça a mesma fonte.

  1. Carlos Lopes dias

    Concordo com a ideia tambem gostaria de assinar a petição mas infelizmente resido na diaspora mesmo assim transmito todo meu apoio

    C.dias

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2022: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.