Trabalhadores que vivem a 100 por cento (%) do Carnaval sem subsídio – ministro da Cultura

8/12/2021 22:52 - Modificado em 8/12/2021 22:52
| Comentários fechados em Trabalhadores que vivem a 100 por cento (%) do Carnaval sem subsídio – ministro da Cultura
DCIM101GOPROGOPR1777.JPG

O ministro da Cultura e das Indústrias Criativas disse hoje, no Mindelo, que não haverá subsídios para os trabalhadores que vivem a 100 por cento (%) do Carnaval por causa da conjuntura do país “que não é fácil”.

Abraão Vicente fez estas considerações ao ser questionado sobre essa reivindicação por parte dos fazedores do Carnaval por causa do cancelamento da edição de 2020.

“Não há subsídio. Recebemos da parte da Liga Independente dos Grupos Oficiais do Carnaval de São Vicente (LIGOC) uma lista de fazedores e de membros activos do Carnaval em que pediam que nós déssemos um subsídio pela não realização do Carnaval do ano passado. A conjuntura do país não é fácil e nós pudemos apoiar as pessoas que claramente estavam dependentes do rendimento do sector da cultura para dar continuidade à sua vida”, explicou o governante a Inforpress.

O governante afirmou que não se conseguiu mobilizar mais recursos para este sector, mas conta poder dar um apoio suplementar a partir de Janeiro de 2022. No entanto, afirmou que o que está garantido no Orçamento do Estado (OE) de 2022 são 10 milhões de escudos para financiar os grupos, nos moldes anteriores, para a realização do Carnaval.

Conforme Abraão Vicente, além do financiamento proveniente do OE, haverá também “mobilização através da diplomacia junto das maiores empresas de Cabo Verde, mas o seu ministério estará atento aos fazedores da cultura para que não passem períodos de carência e de falta de recursos”.

No mês de Novembro, o presidente da Câmara Municipal de São Vicente, Augusto Neves, e o líder da Ligoc, Marco Bento, anunciaram que pretendem realizar o Carnaval 2022. Na altura, o autarca frisou que, para participar do desfile, os foliantes e todas as equipas que vão trabalhar nesse evento terão que estar vacinados.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2022: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.