Grupo ETE de Portugal vai fortalecer o comércio de Cabo Verde com os mercados asiático e africano

3/12/2021 00:42 - Modificado em 3/12/2021 00:42
| Comentários fechados em Grupo ETE de Portugal vai fortalecer o comércio de Cabo Verde com os mercados asiático e africano

O Grupo ETE de Portugal está a lançar uma joint venture para impulsionar o comércio internacional de Cabo Verde com os mercados da Ásia e África.

Denominada NANAMI, a joint venture reúne o grupo português com Steelduxx, SevenLog Ghana e TST Japan. Em nota, o vice-presidente do grupo ETE em Cabo Verde, Jorge Maurício, disse que a iniciativa vai contribuir para atrair novos clientes e dinamizar o comércio.

“O Grupo ETE está a construir um modelo global de infraestrutura de serviço em Cabo Verde, oferecendo soluções integradas que, dia após dia, visam consolidar o seu compromisso com o desenvolvimento económico e social do país. E parte disso é a promoção de relações comerciais e intercâmbios com outros países africanos ou de outros continentes ”, afirma Maurício.

Sediada em Antuérpia, a NANAMI concentra-se em serviços integrados de logística, agenciamento, afretamento e serviços marítimos, gestão de navios e consultoria marítima, o que, segundo Jorge Maurício, representa “uma contribuição fundamental” para a fluidez das cadeias logísticas.

“O surgimento do NANAMI vai ajudar a facilitar a penetração das empresas asiáticas no mercado cabo-verdiano e, ao mesmo tempo, promover novos negócios entre este mercado e o mercado asiático, resultando numa maior dinamização do comércio internacional”, acrescenta.

Segundo o vice-presidente do grupo ETE em Cabo Verde, vários factores tornam Cabo Verde um país cada vez mais favorável ao dinamismo do comércio internacional.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2022: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.