Mestre Internacional Mariano Ortega revalida título de campeão Nacional de Xadrez

22/11/2021 15:17 - Modificado em 22/11/2021 23:00
| Comentários fechados em Mestre Internacional Mariano Ortega revalida título de campeão Nacional de Xadrez
Mestre Internacional Mariano Ortega – Foto Noticias do Norte

O Mestre Internacional Mariano Ortega revalidou o título de campeão nacional de Xadrez, após vencer na final, David Mirulla, resultado que lhe permitiu garantir o título de Campeão Nacional de Xadrez 2021.

Mariano Ortega venceu as nove rodadas que disputou, e conseguiu o título após algumas horas de jogo contra o xadrezista do Clube Sportivo Mindelense e com quem partilhava os mesmos oito pontos, antes de se defrontar, após um erro técnico, que acabou por ser aproveitado pelo jogador natural de Cuba e que atualmente representa as cores nacionais.

O bicampeão nacional representa a ODERF da ilha do Sal é o grande vencedor deste IV Campeonato Nacional Individual Absoluto, seguido de David Mirulla e Célia Rodriguez, que completam o pódio.

“Foi um jogo bem disputado. Até ao último movimento ainda não sabíamos quem seria o vencedor. O David começou com as peças brancas então tive que me esforçar e no final, acabei por aproveitar um erro dele, para vencer o jogo e conquistar o campeonato”, referiu o vencedor, Mariano Ortega.

Celia Rodriguez que completou o pódio destacou a sua prestação, numa prova em que era a única mulher. Uma situação que o presidente da Federação Cabo-verdiana de Xadrez (FCX), Francisco Carapinha quer mudar a partir do próximo ano. “Até já elegemos 2022 como o ano feminino e vamos trabalhar para dinamizar e ver mais mulheres a praticar xadrez”. 

Sobre a competição, Francisco Carapinha destaca a evolução da prova, a nível organizacional e competitivo, que contou com a presença do ministro do desporto que fez o encerramento.

“Tudo isso demonstra essa competitividade e como o xadrez está a crescer cada vez mais a nível nacional”, sustentou, este que foi um dos propulsores da modalidade em Cabo Verde, há cinco anos, e que agora se está a desenvolver.  

Em quarto e quinto lugares classificaram-se Gil Teixeira e Aires Fortes, respectivamente. 

Todas as partidas desta final foram seguidas em directo via internet, em todo o mundo, através das maiores plataformas de xadrez, segundo o presidente da FCX.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2022: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.