Embaixador dos EUA destaca profissionalismo do sistema jurídico de Cabo Verde no caso Alex Saab

17/10/2021 13:37 - Modificado em 17/10/2021 13:38

O embaixador dos Estados Unidos da América em Cabo Verde, John “Jeff” Daigle, destacou hoje o “profissionalismo” demonstrado pelo sistema jurídico de Cabo Verde ao longo de um “complexo processo judicial”, envolvendo o venezuelano Alex Saab.

De acordo com a Agência Cabo-verdiana de Notícias, o diplomata americano, através de uma nota de imprensa, confirmou que Alex Saab foi transferido para a custódia dos Estados Unidos da América no dia 16 de Outubro, para extradição aos Estados Unidos.

A mesma fonte, realçou que a transferência foi conduzida em total conformidade com a lei cabo-verdiana e com decisões judiciais, sendo o culminar de um processo judicial muito complexo e moroso, envolvendo vários recursos que chegaram agora ao seu termo.

“Saab será agora apresentado a um tribunal federal dos Estados Unidos para acusação.  Saab é presumido inocente até que seja provada a sua culpa para além de qualquer dúvida razoável, em tribunal”, referiu.

Os Estados Unidos, conforme assinalou o processo se tornou ainda mais desafiante pela “bem documentada e agressiva” campanha de desinformação, que, ao seu ver, procurou influenciar o processo judicial, influenciar a opinião pública e manchar a reputação internacional de Cabo Verde.

Por fim, revelou que os Estados Unidos reafirmaram a sua relação duradoura e de cooperação com Cabo Verde e reiteraram o seu firme compromisso em continuar a reforçar a sua parceria estratégica com Cabo Verde, nomeadamente nas áreas da Justiça, Defesa e Segurança.

Comente a notícia

Obrigatório

Publicidades
© 2012 - 2021: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.