Governo prorroga por mais dois meses a situação de contingência em Cabo Verde e reabertura de discotecas só a partir de 01 de dezembro

1/10/2021 16:48 - Modificado em 1/10/2021 22:13
| Comentários fechados em Governo prorroga por mais dois meses a situação de contingência em Cabo Verde e reabertura de discotecas só a partir de 01 de dezembro

O Governo resolveu prorrogar a situação de contingência em Cabo Verde, por mais dois meses a situação de contingência em todo o país, a contar de hoje e com término a 30 de Novembro. Esta deliberação publicada no Boletim Oficial teve em conta a evolução da situação epidemiológica, bem como o processo de vacinação contra a Covid.

Apesar da dinâmica globalmente positiva da vacinação, o governo entende que ainda exista alguma assimetria ao nível da situação específica dos diferentes concelhos, com destaque para a percentagem da população com apenas uma dose da vacina e que se situa em torno  dos 50%, claramente abaixo da média nacional que é de xx%

A análise da evolução dos dados epidemiológicos nas últimas semanas aponta para uma relativa desaceleração e estabilização do índice de transmissibilidade da doença, suportada nomeadamente pela diminuição das taxas de incidência acumulada e de positividade.

De acordo com esta resolução, estarão autorizados a funcionar os estabelecimentos de venda de bebidas alcoólicas, nomeadamente bares e lounge bar, restaurantes, locais de venda ou consumo de refeições rápidas e similares.

Por outro lado, fica autorizado o acesso a estabelecimentos turísticos ou de alojamento rural, ginásios e demais estabelecimentos comerciais, bem como a realização de atividades públicas, desportivas, artísticas, culturais, recreativas, de lazer, corporativas ou familiares.

No entanto, mantêm-se vedadas as actividades de dança, nomeadamente em discotecas, clubes, pub dancing, salões e locais de festas, que podem, no entanto, funcionar como lounge bar, desde que devidamente autorizados para o efeito.

Ficam encerradas e proibidas em todo o país as actividades públicas, desportivas, artísticas, culturais, recreativas e de lazer, quando realizadas em condições que não cumpram com as regras sanitárias especificamente aprovadas para o efeito, designadamente quanto à obrigatoriedade de apresentação do certificado Covid.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2021: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.