Ministro das Comunidades participa no Evento NEST – Centro de Inovação do Turismo

30/09/2021 00:50 - Modificado em 30/09/2021 00:52
| Comentários fechados em Ministro das Comunidades participa no Evento NEST – Centro de Inovação do Turismo

O Ministro das Comunidades, Jorge Santos, participou na terça-feira, 28, no Evento NEST – Centro de Inovação do Turismo, na Escola de Hotelaria e Turismo de Lisboa, Portugal.

Nesta sua presença em terras lusas rubricou um Protocolo de Cooperação Internacional no âmbito da Saúde e Turismo entre este centro de inteligência colaborativa da NOVA Medical School e a Universidade Técnica do Atlântico (UTA) de Cabo Verde.

Sob o lema “Cuidar do Presente e Preparar o Futuro”, a cerimónia decorreu em Lisboa e contou com representantes das duas Instituições e seus parceiros.

O ministro Jorge Santos, em representação do Primeiro-Ministro, expôs a “visão ambiciosa” do Governo de Cabo Verde espelhada no Programa de Governo, sufragado a 18 de abril nas urnas, e assegurou uma “aposta forte” na construção de um País “seguro, parceiro útil e credível”, o que passa por uma inserção positiva nos sistemas de segurança coletiva e cooperativa; pelo aumento da sua visibilidade e do seu prestígio internacional mediante uma diplomacia que aumente a notoriedade do País e aporveite as imensas oportunidades que as redes globais existentes propiciam.

Na sua alocução, o governante deu ainda conta das históricas relações que Cabo Verde tem construído no plano internacional e destacou o plano bilateral em que o nosso País busca parcerias, nomeadamente nas áreas do turismo, investimentos, comércio e desenvolvimento tecnológico, com foco no reforço e alargamento das parcerias nas áreas económicas e empresariais.

“A União Europeia é um grande exemplo dessa parceria bem sucessiva, sendo o espaço económico, tecnológico e científico desenvolvido mais próximo de Cabo Verde em termos de localização e de intensidade de relações económicas, nomeadamente a atração de investimentos e o incremento do comércio e do turismo.

A estratégica com a UE assenta nos fundamentos da sua macroeconomia, na paridade fixa do Escudo face ao Euro, estabelecida em 1998 e reconhecida pela Ecofin”, sublinhou o Ministro.

Segundo o ministro, Cabo Verde quer afirmar-se no mundo, e em particular no Atlântico Médio, como uma “economia de circulação”, ideia para a qual ganha corpo o projeto de Hub Aéreo e Apoio Logístico que devem funcionar como “ponto charneira” entre a América, África e a Europa. “E em complementaridade com o hub de Portugal”, acentuou.

Na sua comunicação o Ministro das Comunidades sublinhou que o Governo elegeu a Diáspora como “parte ativa” no processo de desenvolvimento nacional, na justa medida em que as comunidades Cabo-verdianas residentes no exterior “são uma extensão das Ilhas do ponto de vista identitário, cultural, económico e de conhecimento.” e o Ministro observa que as nossas comunidades “representam um significativo potencial de financiamento” do País, no seu esforço de desenvolvimento e um potencial mercado, de relativa importância.

Augurando “os maiores sucessos” na concretização do Protocolo acabado de firmar entre as partes, o Ministro enalteceu o interesse da UTA em atuar como “centro colaborativo” do Estado de modo a proporcionar fundamentos objetivos e científicos para melhor orientar as decisões do Governo.

Salientou ainda a relevância e a prioridade deste projeto estratégico que visa incrementar os laços de colaboração entre dois países irmãos, reiterando do Governo à parceria entre a UTA e A Nova Medical School que prevê a implementação de um plano de marketing estratégico e operacional com os benefícios que advêm dos ganhos de imagem para a marca Cabo Verde.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2021: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.