Covid-19: Cabo Verde com 18 pessoas internadas por complicações da doença, maioria sem a vacinação

28/09/2021 00:18 - Modificado em 28/09/2021 00:18
| Comentários fechados em Covid-19: Cabo Verde com 18 pessoas internadas por complicações da doença, maioria sem a vacinação

Cabo Verde já registou neste mês de setembro 23 óbitos por complicações de covid-19. Dezasseis pessoas não estavam vacinadas, e neste momento conta com 18 doentes internados, a maioria também sem a vacinação, revelou o director Nacional de Saúde.

Os dados foram revelados hoje pelo director Nacional de Saúde, Jorge Barreto, na conferência de imprensa de balanço semanal da situação epidemiológica do país, apontando que das 23 pessoas que morreram na sequência da infecção pelo Sars-CoV-2, dezasseis não estavam vacinadas, cinco tinham apenas uma única dose e dois já estavam completamente imunizados, mas que tinham idades igual ou superior a 70 anos.

“Portanto, 70% dos óbitos registados até ao momento neste mês, eram sobretudo de pessoas que não tinham recebido nenhuma dose de vacina da covid-19. Tivemos dois óbitos de pessoas completamente vacinadas, mas de pessoas idosas e que tinham outras comorbidades. Isto representa mais um indício de que a vacina realmente protege das complicações e das mortes”, realçou.

Em termos de pessoas internadas, indicou que nesta data há 18 pessoas internadas. No Hospital Agostinho Neto, na Praia, estão três doentes, sendo que um se encontra em situação mais crítica, cinco no Hospital Baptista de Sousa, em São Vicente, dos quais uma em situação crítica e outra em estado grave.

Segundo os dados, 7 doentes se encontra acamados no Hospital Santa Rita Vieira, em Santiago Norte, um doente cada nos hospitais João Morais em Ribeira Grande de Santo Antão e em São Francisco de Assis no Fogo que se encontram estáveis.

“Isto quer dizer que a maioria que está internada não recebeu nenhuma dose de vacina. Três dessas pessoas ainda não tomaram qualquer dose de vacina. Dez estão vacinadas com apenas uma dose. Mais uma vez é indício de que a vacina tem um efeito protector”, reiterou.

Neste sentido, Jorge Noel Barreto reforçou o apelo no sentido das pessoas aderirem à campanha de vacinação em curso, sobretudo na região de Santiago norte, onde a taxa de vacinação ainda é baixa.

Com mais este donativo perfazem um total de 615.050 doses de vacinas recebidas por Cabo Verde de Março até hoje, que, segundo o director Nacional de Saúde, dão para vacinar cerca de 307 mil pessoas.

Até este domingo já tinham sido utilizadas 415.535 doses de vacina, que corresponde a 67,6% dessas vacinas.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2021: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.