Jogador Rúben Semedo diz-se inocente da acusação de violação. Exame forense à menor não deteta sinais de violação

2/09/2021 12:42 - Modificado em 2/09/2021 12:42
| Comentários fechados em Jogador Rúben Semedo diz-se inocente da acusação de violação. Exame forense à menor não deteta sinais de violação
Rúben Semedo à entrada de um tribunal na Grécia

Rúben Semedo foi detido na segunda-feira pelas autoridades gregas, por suspeita de violação de uma jovem menor.

Rúben Semedo voltou a garantir que está inocente, no caso onde é acusado de ter violado uma menor de idade na Grécia. A central do Olympiacos está no Tribunal Central de Atenas onde é ouvido por um juiz, esta quinta-feira.

À chegada ao tribunal, a defesa central mostrou-se confiante na sua absolvição. “Não se preocupem, amigos. Vão ver [como estou inocente] “, disse o jogador português, em declarações citadas pelo jornal ‘Newsbomb’.

Já no dia 30 de agosto, o jogador tinha defendido o mesmo.

“Estou inocente e vão ver isso. Quando for absolvido, espero que também estejam aqui. É tudo por causa de dinheiro. Se eu não fosse futebolista, nada disto estaria a acontecer”, gritou Rúben Semedo para os jornalistas, enquanto abandonava um tribunal de Atenas acompanhado das autoridades.

A mesma fonte adianta que o exame realizado à jovem de 17 anos, alegadamente violada por Rúben Semedo e um amigo, não detetou quaisquer lesões de violação.

“Não foram encontradas feridas, hematomas ou lesões recentes nos genitais nem no ânus”, detalhou os peritos no documento, citado pelo ‘Newsbomb’. Os especialistas explicam que encontraram dois hematomas no tronco da alegada vítima: “Poderão ser resultantes de uma pancada ou de um choque com uma superfície dura. A abrasão poderá ter sido causada por um objeto aguçado. Estas lesões poderão ter sido provocadas na altura do alegado incidente”, escrevera os peritos no relatório forense.

Esta poderá ser a base da defesa do internacional português. O advogado de defesa de Rúben Semedo continua a defender que o seu cliente está inocente

“Vamos comparecer [hoje] em tribunal e ficar a saber qual é a decisão. O meu cliente está inocente e isso será provado. Não há qualquer lesão na zona genital, o que indica não ter existido uma violação”, disse Stavros Georgopoulos, à imprensa grega.

Ainda segundo o advogado do jogador, o central não cometeu também o crime de sedução.

“De acordo com a Lei, ela já está numa idade em que pode tomar decisões a nível sexual. Portanto, não se coloca a questão do crime de sedução.”

Rúben Semedo foi detido na segunda-feira pelas autoridades gregas, por suspeita de violação de uma jovem menor. O internacional português, de 27 anos, foi detido na sua residência em Glyfada, nos arredores de Atenas, depois de a jovem, de 17 anos, ter apresentado queixa junto das autoridades por alegada violação.

Em comunicado, a polícia helénica confirmou a detenção de um “cidadão estrangeiro acusado de violar um menor”, que foi efetuada por elementos da Subdirecção de Proteção de Menores de Ática, revelando ainda que um outro cidadão, também estrangeiro, está acusado do mesmo delito, sem revelar o nome dos envolvidos.

Em comunicado, o Olympiacos, treinado pelo português Pedro Martins, declarou que respeita a “presunção de inocência” e que vai aguardar pela decisão judicial.

Semedo volta a ter problemas com a justiça, depois de em 2018, quando estava ligado ao Villarreal, ter sido condenado a uma pena de cinco anos em Espanha, suspensa na sua execução em oito anos, por sequestro, agressão e ameaça com arma, ficando proibido de entrar no país.

Por causa desse caso, o central português esteve preso durante 142 dias.

Mesmo assim, Semedo voltou a atuar ao mais alto nível, primeiro no Rio Ave e depois do Olympiacos, acabando por merecer a chamada à seleção nacional em 2020, somando três internacionalizações.

Semedo está a iniciar a sua terceira temporada no Olympiacos e leva quatro jogos.

Na sua carreira, o central vestiu também a camisola do Vitória Setúbal e representou o Reus e o Huesca, de Espanha.

desporto.sapo.pt

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2021: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.