Cremilda Medina e Célia Leiria emprestam as suas vozes numa homenagem a Amália Rodrigues e Cesária Évora

18/08/2021 04:07 - Modificado em 18/08/2021 04:08
| Comentários fechados em Cremilda Medina e Célia Leiria emprestam as suas vozes numa homenagem a Amália Rodrigues e Cesária Évora

Duas das maiores vozes de Cabo Verde e Portugal, Cesária Évora e Amália Rodrigues, vão ser homenageados no próximo dia 18 de Setembro, em Portugal, num espectáculo organizado pela Fundação Amália Rodrigues e o Centro Cultural de Cabo Verde, para relembrar duas das vozes que foram o grande impulso para que estes a Morna e o Fado se tornassem Patrimónios Culturais Imateriais da Humanidade, estabelecidos pela Unesco.

Em comunicado, a organização refere que as “duas artes levadas ao mundo por duas almas excepcionais”, Cesária Évora e Amália Rodrigues deram a conhecer a identidade e as raízes dos seus países através da Voz e foram o grande impulso para que estes dois géneros se tornassem Patrimónios Culturais Imateriais da Humanidade, estabelecidos pela Unesco.

E por isso, no dia 18 de Setembro, o Jardim d’Amália celebram o Fado e a Morna, num espetáculo que tem como objectivo homenagear Cesária Évora e Amália Rodrigues.

Este é um espetáculo que une, num formato acústico, o fado e a morna que via contar com a presença de Célia Leiria (Fado) e Cremilda Medina (Morna) no Jardim d’Amália.

De forma a celebrar não só a música portuguesa e a cabo-verdiana, mas também a cultura de ambos os países, o espectáculo será preenchido com a leitura de poesia cabo-verdiana e portuguesa. De forma a enriquecer esta viagem cultural, serão expostas peças do acervo de Amália e de Cesária.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2021: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.