Atletismo: Jordin Andrade bate recorde da sua temporada mas falha acesso a próxima fase dos Jogos Olímpicos

30/07/2021 13:25 - Modificado em 30/07/2021 13:25
Jordin Andrade

Jordin Andrade, que competiu esta madrugada nos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020, bateu o seu recorde pessoal da temporada nos 400 metros barreiras, mas mesmo assim, foi insuficiente para se qualificar à próxima fase.

O atleta cabo-verdiano conseguiu atingir o tempo de 50,64 segundos, ficando em 7º na sua série, melhor marca do velocista nesta temporada, mas insuficiente para passar às meias-finais.

O Comité Olímpico Cabo-verdiano (COC), já manifestou apoio ao atleta de 29 anos, que representa o país na segunda olimpíada consecutiva. 

“Estamos orgulhosos na mesma por ver-te a vestir a camisa nacional na pista, entre os melhores do mundo. Parabéns e força Campeão” escreveu o COC nas redes sociais.

O quarto atleta a entrar em cena nos Jogos Olímpicos é Troy Pina, também esta sexta-feira, que irá competir na 3.ª eliminatória dos 50 metros livre masculinos.

Já na madurada deste sábado, à 01h30 (CV) o pugilista santa-cruzense, David Pina, faz a sua estreia na categoria 48 – 52 quilogramas, contra Shakhobidin Zoirov, do Usbequistão, no Kokugikan Arena.

A ginasta Márcia Lopes vai ser a última atleta cabo-verdiana a competir, tendo a sua estreia marcada para o dia 6 de agosto, às 00h20 (CV), no Ariake Gymnastics Center.

Recorde-se que Cabo Verde está representado por seis atletas em Tóquio, sendo eles os irmãos nadadores Troy e Jayla Pina, a judoca Sandrine Billet, a ginasta Márcia Lopes, o pugilista David de Pina e o velocista Jordin Andrade. Esta é a maior delegação cabo-verdiana de sempre nos Jogos Olímpicos.

Comente a notícia

Obrigatório

Publicidades
© 2012 - 2021: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.