Orçamento Retificativo: UCID contra cortes de mais de 50% nos sectores de agricultura e saneamento

28/07/2021 14:33 - Modificado em 28/07/2021 14:33

O deputado da União Cabo-verdiana Independente e Democrática (UCID), António Monteiro, lamentou hoje o corte de mais de 50% nos sectores de agricultura e saneamento no âmbito do Orçamento Rectificativo (OR) em discussão no parlamento.

“Lá onde era preciso reforçar o Governo faz o inverso. Isto é, quando nós precisamos de mais água para agricultura e ter um programa de saneamento mais profundo para podermos aproveitar as águas e consequentemente melhorarmos a agricultura, nós temos um corte neste sector de 51%, quase quatro milhões de contos”, explicitou.

Para Monteiro no momento em que se está a falar na necessidade de se ter um país mais resiliente, a agricultura deveria ter um “papel fundamental”, logo sustenta que o governo deveria, neste OR procurar canalizar mais recursos por forma a aumentar capacidade produtiva e consequentemente tornar o país mais apto para ultrapassar a crise de forma mais rápida.

Por outro lado, o líder da UCID, devido a situação pandémica disse que os deputados do partido vão analisar e fazer as propostas para o OR e assim dar os contributos que se julgarem ser necessários para que o país possa ter melhores condições para ultrapassar a crise pandémica.

“Nós os deputados da UCID já tínhamos aprovado o OR de 2020, e fizemos isso por considerar que o momento assim exigia. Estamos num momento de pandemia há cerca de mais ou menos 19 meses e portanto, as condições para se poder gerir o país da melhor forma têm de ser criadas e este é o papel de nós os deputados da UCID”, disse, esperando que durante o debate possam ter explicações para decidir o sentido do voto.

A proposta de lei de OR de 2021, no valor de 78 mil milhões de escudos, representa um crescimento de 0,1% da dotação inscrita no orçamento ainda em vigor.

Prevê o recurso ao endividamento público de 23 milhões de escudos e, ainda, um stock equivalente a 158,6% do PIB até finais de 2021.

Comente a notícia

Obrigatório

Publicidades
© 2012 - 2021: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.