Covid-19: Cabo Verde com mais duas mortes no Fogo e na Brava e 53 novos infetados

16/07/2021 00:46 - Modificado em 16/07/2021 00:46
| Comentários fechados em Covid-19: Cabo Verde com mais duas mortes no Fogo e na Brava e 53 novos infetados

Cabo Verde registou mais duas mortes, uma em São Filipe do Fogo e outra na Brava, provocadas pela covid-19, elevando para 294 o total de óbitos associados à doença no país. Nas últimas 24 horas, o arquipélago contabilizou ainda 53 novos infetados, anunciaram hoje as autoridades de saúde.

O Ministério da Saúde informou, através do boletim diário, que do total de 1.244 resultados recebidos dos laboratórios de virologia, somam-se 53 novos casos positivos de infeção pelo novo coronavírus, numa taxa de positividade de 4,3%.

A ilha de Santiago diagnosticou a maioria dos novos infetados (21), sendo 13 na Praia, cinco em Santa Catarina, e um cada em Tarrafal, São Miguel e São Lourenço dos Órgãos, enquanto Santo Antão tem mais 12, distribuídos por Porto Novo (10) em um cada em Ribeira Grande e Paul.

Os restantes casos foram registados no Fogo (6), sendo 5 em São Filipe e 1 em Santa Catarina, ainda Boa Vista (7), São Vicente (3) e Brava (4).

Revela a mesma fonte, que nas últimas 24 horas, as autoridades de saúde contabilizaram mais duas mortes provocadas pela covid-19, ocorridos nos concelhos de São Filipe do Fogo e na Brava, e aumentou para 294 o acumulado de óbitos no país desde o início da pandemia em março de 2020.

Desde quarta-feira que mais 34 pessoas tiveram alta, passando o país a contabilizar 32.310 casos recuperados da doença, do total de 33.180 casos positivos acumulados, aumentando para 556 casos ativos.

O Governo de Cabo Verde prorrogou por mais 15 dias a situação de calamidade em todas as ilhas do arquipélago, devido à covid-19, embora reconhecendo a “tendência positiva” na evolução da situação epidemiológica no arquipélago. As autoridades sanitárias também reconheceram hoje que a situação epidemiológica do país “melhorou um pouco” nos últimos dias, mas recomendaram cautela e vão continuar a fazer os testes rápidos para viagens entre ilhas, conclui a fonte referida

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2021: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.