CMSV: Vereadores da UCID e do PAICV pedem “intervenção urgente” das autoridades fiscalizadoras do poder autárquico para repor“legalidades” –C/Vídeo

8/07/2021 13:58 - Modificado em 8/07/2021 13:59

Os vereadores da UCID e do PAICV na Câmara Municipal de São Vicente voltaram
esta quinta-feira, 08 julho a reunir, desta feita para denunciar o que apelidam de
“ilegalidades” e clima de “hostilidade e de humilhação” perpetuadas pelo presidente da
câmara.


A informação avançada, em conferência de imprensa, pelo representante do grupo de
vereadores, Anilton Andrade que diz que o presidente Augusto Neves, continua a fazer de
“tudo para barrar a atuação dos vereadores da oposição” (UCID,PAICV).

https://youtu.be/_pQmEXyo1pM
“A situação politica e administrativa da Câmara Municipal de São Vicente já é por
demais conhecida, porquanto já foi alvo de diversas denuncias públicas de ilegalidades
e abuso do poder, seja na comunicação social, seja em reuniões institucionais e em
declarações politicas na Assembleia Municipal, sem que até hoje o Presidente
da Câmara Municipal tenha alterado a sua politica de isolamento e hostilidade em
relação aos novos vereadores eleitos para a Câmara Municipal neste mandato”.


Denunciam ainda que no contexto da convocatória para a sexta sessão ordinária da
CMSV, marcada para o dia de hoje, 08 Julho, não foi realizado porque o presidente
Augusto Neves, simplesmente saiu do país, nem aviso prévio a Assembleia Nacional e
aos vereadores.


O grupo fala em tratamento discriminatório em relação aos vereadores eleitos pelo MpD
e apesar da ameaça anterior, não descartam a dissolução do órgão.


Elvis Carvalho

  1. Carlos

    Isto deixa Claro que poder esta acima dos interesses de s. Vicente (triste)

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2021: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.