Comissão Permanente da Assembleia Nacional não aprovou levantamento da imunidade para detenção de Amadeu Oliveira

1/07/2021 20:24 - Modificado em 1/07/2021 20:24

A Comissão Permanente da Assembleia Nacional não aprovou o pedido para o levantamento da imunidade parlamentar ao deputado Amadeu Oliveira, que está a braços com a justiça.

De acordo com informações recolhidas por este online, os deputados da CP da Assembleia Nacional, que se reuniram esta quinta-feira, 01, precisamente para analisar a conduta de Amadeu Oliveira que viajou para França com o seu cliente Arlindo Teixeira, que estava em prisão domiciliária, rejeitaram o pedido para o levantamento da imunidade parlamentar do deputado da UCID.

Sabe-se que quem fez essa solicitação foi uma juíza, quando essa matéria é da competência do Ministério Público. Assim sendo, por o pedido não seguir os trâmites legais, a Comissão Permanente não aprovou tal pedido.

Haveria ainda um segundo pedido, que terá dado entrada hoje mesmo, enquanto decorria a reunião da Comissão Permanente, a solicitar autorização para prender Amadeu Oliveira, no momento em que o advogado aterrar no aeroporto internacional Nelson Mandela, mas ficou para ser analisado na próxima reunião da Comissão Permanente, cuja data se desconhece por enquanto.

De realçar que Amadeu Oliveira, segundo informações, já se encontra em Portugal, não tendo conseguido viajar hoje para a cidade da Praia.

Comente a notícia

Obrigatório

Publicidades
© 2012 - 2021: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.