Ulisses Correia e Silva perspetiva vacinação completa da população elegível na ilha do Sal antes do fim do mês de julho

21/06/2021 14:57 - Modificado em 21/06/2021 14:57
| Comentários fechados em Ulisses Correia e Silva perspetiva vacinação completa da população elegível na ilha do Sal antes do fim do mês de julho

O primeiro-ministro, Ulisses Correia e Silva manifestou-se hoje “animado” com o ritmo de vacinação na ilha do Sal, perspetivando atingir a meta de 100 por cento (%) da população elegível vacinada, antes mesmo do fim do mês de julho.

O PM fez estas declarações à imprensa durante a deslocação para se inteirar da situação sanitária, tendo visitado na manhã de hoje os postos de vacinação em Espargos, Palmeira e Santa Maria.  

“A expectativa é conseguirmos antes do final de julho atingir a meta de 70% da população elegível, quer dizer a população com mais de 18 anos. Estamos num bom ritmo, porque aquilo que constato é que em poucos dias já há mais de nove mil pessoas vacinadas” vincou.

Neste sentido, UCS, garantiu que concluído este processo estar-se-ia a dar “um passo significativo” no Sal, com a protecção das pessoas, por um lado, e, por outro, a criação de condições de retoma do turismo com segurança.

“Iremos, seguramente, colocar o Sal como uma ilha livre de transmissões de covid-19, pelo menos em termos de protecção com a vacinação. Depois é preciso continuar o processo de protecção individual, mesmo depois da vacinação”, materializou.

De acordo com Ulisses Correia e Silva, o Governo está a trabalhar para “ganhar o turismo” no Inverno, isto é, em setembro/outubro, fazendo fé nas “tendências positivas” a nível dos países emissores do turismo para Cabo Verde.

“Não depende só de nós, é preciso que a pandemia esteja controlada também na Europa, e com isso estaremos em condições de dar um impulso muito grande. É nossa aposta, que tem os seus riscos, mas tudo está a apontar que o Inverno seja um período de boa retoma do turismo”, frisou.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2021: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.