Irmã de Alex agradece às autoridades de Cabo Verde por terem permitido a entrada no país

18/05/2021 00:48 - Modificado em 18/05/2021 00:48

A irmã de Alex Saab chegou esta noite à ilha do Sal com o objetivo de poder visitar o irmão e lhe transmitir conforto e apoio num momento em perderam a mãe e o pai .

Á chegada disse ao NN que tiveram uma viagem muito longa “desde a Colômbia e estávamos muito ansiosos por ver o Alex, apesar de ser em circunstâncias tão difíceis. Gostaria de agradecer às autoridades de Cabo Verde por nos terem permitido estar aqui.”

A nossa família “está profundamente preocupada com a situação de Alex, especialmente com a sua saúde e incapacidade de comunicar com ele durante quase um ano. Não posso começar a expressar a angústia que foi causada a Alex, o facto de ele não ter sido capaz de se despedir da nossa mãe e do nosso pai, que faleceram poucos dias um do outro no final de abril, após terem sido infetados com COVID-19. Alex teve de sofrer sozinho, mas agora estamos aqui para prestar o apoio que só pode vir da família num momento como este.”

Na ocasião acrescentou que o “Alex é um homem de incrível coragem e força e embora tenha sido sempre o rochedo da nossa família, é agora a nossa vez de lhe dar o apoio que é necessário. Mal podemos esperar para o ver esta noite e dar-lhe grandes abraços da sua esposa e filhos. Vamos ficar com Alex em sua casa, como ordenado pelo Tribunal de Recurso do Barlavento e informamos o Chefe da Polícia do Sal, Orlando Évora, em conformidade.

Pedimos que a nossa privacidade seja respeitada neste momento e não faremos mais declarações.“

Comente a notícia

Obrigatório

Publicidades
© 2012 - 2021: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.