UCID diz que é preciso dissipar rumores sobre contagem de votos em Santo Antão e no Sal

21/04/2021 22:18 - Modificado em 21/04/2021 22:18

Em causa, conforme o líder da União Cabo-verdiana Independente e Democrática (UCID), o facto de existirem dúvidas na questão da contagem de votos nas ilhas do Sal e Santo Antão.

António Monteiro disse que, em conversa com o Presidente da Republica, pediu que se espere até à publicação mapa geral das eleições para que se indigite o primeiro-ministro.

Para o presidente da UCID, antes de indigitar o próximo primeiro-ministro do país, é preciso que sejam dissipadas todas as dúvidas relativas a contagem de votos, relembrando que esta deve ser feita após o resultado geral.

A UCID diz que não tem problemas, em principio, em aceitar que quem venceu as eleições do passado domingo, 18, indique o próximo PM, no entanto na reunião desta terça-feira, “levantamos uma questão de alguns rumores em relação a ilha de Santo Antão e Sal, daí que chamamos a atenção para este facto, pois se por um lado consideramos que não há nenhuma dúvida que o MpD venceu as eleições, por outro lado tendo em conta rumores sobre a contagem de votos nestas ilhas, pedimos um tempo para clarificar a situação nestas duas ilhas de só depois vamos posicionar-nos de forma clara e objetiva” sustenta António Monteiro.

“Nós dissemos ao PR que por enquanto apuramento geral não está concluído, nomeadamente em Santo Antão, em Formiguinhas, os dados foram mal lançados e em Lombo de Santa os dados não batem certo” e com estes rumores precisam de tempo para analisar, mas entende que é preciso agilizar este processo. “Portanto o que pedimos é um compasso de espera para eliminar rumores em Santo Antão e Sal” frisa.

EC

Comente a notícia

Obrigatório

Publicidades
© 2012 - 2021: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.