A Defesa de Alex Saab pede a Joe Biden que acabe com pressões sobre Cabo Verde para extraditar Alex Saab

19/04/2021 22:11 - Modificado em 19/04/2021 22:11
| Comentários fechados em A Defesa de Alex Saab pede a Joe Biden que acabe com pressões sobre Cabo Verde para extraditar Alex Saab
Foto: Getty Images

Os advogados de Alex Saab, o diplomata venezuelano detido na ilha do Sal há quase um ano à espera do desfecho de um processo de extradição para os Estados Unidos, apelaram hoje ao Presidente Joe Biden que ordene à administração norte-americana que cesse as pressões sobre as autoridades de Cabo Verde para entregarem o empresário à justiça daquele país.

Numa carta enviada a partir de Abuja, Nigéria, e assinada pelo advogado Femi Falana, a equipa de Alex Saab recorda os princípios de defesa dos direitos humanos e de construção de novas relações no mundo, promulgados nos discursos do presidente democrata logo no início da sua administração, e solicita a este último que coloque em prática esses valores no caso do presente processo de extradição.

“Espero que seja fiel às suas palavras e que, especialmente no domínio dos direitos humanos, e do respeito pelo Estado de direito, os africanos e as suas instituições jurídicas possam contar com o seu apoio”, escreve Femi Falana, referindo-se à necessidade de os Estados Unidos ajudarem a promover o respeito, por Cabo Verde, do acórdão do Tribunal de Justiça da CEDEAO, datado de 15 de Março, a favor da libertação de Alex Saab.

O advogado faz o apelo baseado no compromisso de Joe Biden de respeitar os direitos humanos, e lembra que o Procurador Geral de Genebra, na Suíça, declarou recentemente que não existem provas para processar Alex Saab pelo delito de branqueamento de capitais.

“Tendo em conta os factos e as circunstâncias deste caso, sou obrigado a solicitar que os Estados Unidos ponham termo à pressão sobre Cabo Verde para desafiar a sentença do Tribunal da CEDEAO e extraditar o Sr. Saab”, refere ainda Femi Falana, acrescentando que a administração Biden “deve demonstrar a sua disponibilidade para contribuir para a promoção da integração em África”.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2021: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.