Vacinação em Cabo Verde já arrancou. Enfermeira do Centro de Saúde de Achada Santo António foi a primeira a ser vacinada

18/03/2021 15:17 - Modificado em 18/03/2021 15:17

A enfermeira Helga Fontes, de 63 anos, do Centro de Saúde de Achada Santo António, na cidade da Praia, foi a primeira a ser vacinada contra a covid-19, considerando que foi “uma honra” ter sido escolhida para começar a vacinação no país.

Ao todo foram seis profissionais da saúde, incluindo a delegada de Saúde da Praia, que receberam hoje a primeira dose da vacina da Pfizer contra a covid-19. “Aconselho a todos a aderirem à campanha de vacinação” apelou Helga Fontes, explicando que todos os medicamentos comportam “riscos”, incluindo uma simples Paracetamol, mas conforme sublinhou “vacina é vida”.

A cerimónia oficial de arranque da vacinação contra a covid-19 foi testemunhada pelo primeiro-ministro Ulisses Correia e Silva, que realçou, na altura, tratar-se de um ato “importante” para a saúde dos cabo-verdianos, visto que “vacinas salvam vidas”.

“O facto de termos realizado aqui a primeira vacinação através da participação de profissionais de saúde, que inclui médicos, enfermeiros e auxiliares, todas mulheres, demonstra que estamos a começar bem”, afirmou o chefe do Governo à imprensa.

O mesmo garantiu que o país vai receber mais vacinas para poder seguir o plano de vacinação, assim como receber informações que possam esclarecer a situação da vacina da AstraZeneca.

Já nesta sexta-feira, 19, o início da campanha de vacinação contra covid-19, com vacinas da Pfizer, vai começar em todo o país com pessoal da saúde e profissionais da linha de frente no combate à covid-19.

Comente a notícia

Obrigatório

Publicidades
© 2012 - 2021: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.