Nenhum gestor público recebe salário superior a 300 mil escudos

8/03/2021 20:05 - Modificado em 8/03/2021 20:05
| Comentários fechados em Nenhum gestor público recebe salário superior a 300 mil escudos

O Movimento para a Democracia (MpD, poder) garantiu que nenhum gestor público ganha um salário superior a 300 mil escudos, apontando que o Governo conseguiu racionalizar os recursos do Estado com a limitação salarial.

A posição foi defendida à imprensa pelo secretário-geral adjunto, Euclides Silva, reagindo às declarações do Partido Africano da Independência de Cabo Verde (PAICV, oposição), no sentido de que a nomeação de Miguel Monteiro para gerir a Bolsa de Valores de Cabo Verde é “vergonhosa”.

Para este responsável, as acusações da líder do PAICV Janira Hoppfer Almada, não tem credibilidade, relembrando que esta tentou colocar o seu marido como administrador do Instituto Nacional de Providência Social (INPS), instituição que tutelava enquanto ministra.

Sobre o montante apontado, salário de 550 mil escudos, Euclides Silva diz que este era o valor auferido, antes de 2016, pelos “gestores camaradas.”

Com o MPD no governo, refere, foi feita uma limitação de salários e outras remunerações dos gestores públicos e membros dos conselhos de administração das entidades reguladoras independentes.

Assim, garantiu que “nenhum gestor público recebe mais do que 300 mil escudos”, nem 13º mês ou subsídio de Natal.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2021: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.