Rodrigo Martins: Construção dos hotéis em São Vicente irá permitir um aumento significativo de camas com efeitos multiplicadores na economia sanvincentina

17/02/2021 12:53 - Modificado em 17/02/2021 12:53

O presidente substituto da Câmara Municipal de São Vicente, Rodrigo Martins, diz que a construção “Four Points by Sheraton”, uma obra tão importante que associada a outros em construção entre a Avenida Marginal e a Laginha, vai permitir um aumento significativo de camas fazendo face, assim a um dos calcanhares de Aquiles para além dos efeitos multiplicadores na economia sanvincentina.

Esta posição, expressa por Martins no ato do lançamento oficial da primeira pedra do “Four Points by Sheraton”, que mostrou a sua satisfação pela materialização deste importante empreendimento para a ilha, relembrando que o turismo é uma atividade que contempla a valorização de uma localidade e que gere recursos graças ao seu efeito multiplicador na economia local.

Partindo deste princípio, Martins afirma que o desenvolvimento do turismo deve ser orientado no sentido de se criar uma oferta turística de qualidade, diferenciada e sustentável, pautada por relações de partilha entre comunidades e visitantes, com capacidade de gerar riqueza e conhecimento.

E que a cada ano Cabo Verde vai-se tornando num destino turístico de qualidade e de alto valor acrescentado. E que o início oficial da tão importante obra, que associada a outros entre a Marginal e a Laginha permite uma aumento significativo de camas fazendo face assim a um dos nossos calcanhares de Aquiles para além dos efeitos multiplicadores nos mais variados domínios.

A primeira pedra do hotel “Four Points by Sheraton”, marca do grupo internacional Marriot, lançada oficialmente, esta terça-feira, dia 16 de fevereiro, zona da Laginha, na cidade do Mindelo é um investimento da Sociedade Maseyka Holdings Investments, dos sócios Roger Tchoufa e Julius Akene, naturais dos Camarões e residentes nos EUA, num montante de 61.900.000€ (sessenta e um mil e novecentos milhões de euros) para a construção, implementação e exploração de dois hotéis de 5 estrelas.

O primeiro hotel será gerido pela marca “FourPointsbySheraton” e terá 128 (cento e vinte e oito) quartos. O segundo hotel será gerido pela marca “LeMeridien” com a categoria de cinco estrelas Premium e contará com 172 (cento e setenta e dois) quartos.

Ambos os hotéis terão restaurantes, bares, zonas de lazer e entretenimento, piscinas, SPA, health club, salas de congressos e reuniões, cinema, lojas assim como por outras facilidades complementares, necessárias ao funcionamento do empreendimento.

Através de acordos de franchising das marcas o grupo Marriot Internacional cumpre a representação dos seus primeiros hotéis em Cabo Verde.

Prevê-se que o investimento resulte em 500 postos de trabalho diretos com a finalidade de reforçar a oferta turística e melhoria de serviços prestados na ilha de São Vicente.

O grupo Marriott atualmente está no Top 10 das maiores redes hoteleiras mundiais da Hotels Association, presente em mais de 70 países com mais de uma dezena de marcas. As marcas “Four Points by Sheraton” e “LeMeridien” fazem parte da linha Premium do grupo Marriot Internacional.

Comente a notícia

Obrigatório

Publicidades
© 2012 - 2021: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.