Lançamento da primeira pedra do hotel “Four Points by Sheraton” na Laginha vai colocar Mindelo no mapa do turismo mundial

17/02/2021 12:24 - Modificado em 17/02/2021 12:24
| Comentários fechados em Lançamento da primeira pedra do hotel “Four Points by Sheraton” na Laginha vai colocar Mindelo no mapa do turismo mundial

A primeira pedra do hotel “Four Points by Sheraton”, marca do grupo internacional Marriot, lançada oficialmente, na terça-feira, dia 16 de fevereiro, frente à praia da Laginha, vai colocar a ilha no mapa do turismo mundial, constatação feita por Julius Akene da Sociedade “Maseyka Holdings Investments”.

Para este investidor, o lançamento oficial da obra, configura-se num momento histórico, com a implementação da marca do grupo internacional Marriot em São Vicente. “Ser capaz de atrair o número um mundial da rede de hotéis para Cabo Verde não é algo fácil”, realçou Akene avançando que este é o primeiro, mas não o último investimento da “Maseyka Holding”em Cabo Verde.

Diz que para a escolha do local, haviam estabelecido entre quatro locais, sendo eles Santiago, Sal, São Vicente e Boavista, e que após uma paragem em S. Vicente, foi cancelado a viagem para a ilha das dunas. Isto porque já tinham escolhido o local para levar por diante o primeiro investimento. “A ilha é única pelo ser charme e é magnífica. Uma cidade autêntica e representa Cabo Verde na sua cultura e tradições, bem como no potencial que tem”, enaltece Julius Akene.

Este hotel cinco estrelas, certamente o melhor de Cabo Verde, avança Akene, vai ajudar a promover o turismo de alta qualidade, com a promoção de eventos, encontros e conferências que vão dar uma grande contribuição à economia da cidade.

O que para o PCA do Cabo Verde Tradeinvest, ao escolherem a ilha, os financiadores perceberam este potencial de atrair turistas que procuram autenticidade e que serão mais exigentes no mundo pós pandemia. “O grupo Meriot não é nada mais nada menos que a maior cadeia mundial do turismo” e por isso destaca o mérito dos investidores em conseguir que o grupo cedesse estas marcas, numa ilha que ainda não figura no mapa do turismo mundial.

Maquete do projeto Four Points by Sheraton

O turismo de qualidade e alto valor acrescentado, diz José Almada Dias faz-se com marcas de qualidade internacionalmente reconhecidas. E que estes dois hotéis representam um volume de investimentos de 61.900.000€ (sessenta e um mil e novecentos milhões de euros), com 300 quartos e que vai garantir 500 postos de trabalho direto, um “rácio nunca antes atingido em Cabo Verde”.

O primeiro hotel será gerido pela marca “Four Points by Sheraton” e terá 128 (cento e vinte e oito) quartos. O segundo hotel será gerido pela marca “Le Meridien” com a categoria de cinco estrelas Premium e contará com 172 (cento e setenta e dois) quartos.

Ambos os hotéis terão restaurantes, bares, zonas de lazer e entretenimento, piscinas, SPA, health club, salas de congressos e reuniões, cinema, lojas assim como por outras facilidades complementares, necessárias ao funcionamento do empreendimento. Através de acordos de franchising das marcas o grupo Marriot Internacional cumpre a representação dos seus primeiros hotéis em Cabo Verde.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2021: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.