“Viveiro Golf”, o primeiro campo de golfe relvado do arquipélago fica no Sal

7/02/2021 23:30 - Modificado em 7/02/2021 23:30
Foto: Lusa

O projecto, apresentado à Câmara Municipal do Sal, em 2001, o sonho do primeiro campo de golfe relvado do arquipélago, finalmente pronto a abrir portas.

Um projecto da família do italiano Giannino Mariani, , o “Viveiro Golf”, inserido numa área de 33 hectares, está pronto para abrir portas, com os primeiros nove de 27 buracos previstos, no início de abril.

A história da família Mariani, contada pela filha à Lusa, começa com a abertura, em 2000, do emblemático Hotel Crioula, que marca também o início do turismo na ilha do Sal e na localidade de Santa Maria, que então começou a surgir a sul, como destino de sol e praia.

Giannino Mariani, então sócio daquele hotel e “amante de golfe”, não desistiu de levar a sua paixão desportiva ao Sal. Sem água doce na ilha, e num projeto inicialmente de pouca importância localmente, a família foi desenvolvendo a ideia e a primeira prioridade foi encontrar a relva perfeita para o primeiro campo de golfe relvado de Cabo Verde.

Enquanto a família ultima os detalhes para a abertura, Paola não esconde o orgulho pelo feito: “É o primeiro campo de golfe relvado de Cabo Verde. Vamos ter um primeiro ano de experiência”.

Em plena pandemia de covid-19, e praticamente ainda sem turistas no Sal, Paola sabe que o projeto é para implementar em “três a cinco anos”, até estarem concluídos os três circuitos interligados, cada um com nove buracos, totalizando um campo de 27 buracos, com zonas de passeio, de treino, restaurante e bar.

“A ideia é dar ao jogador de golfe vários campos e várias oportunidades para o jogo”, explica.

Do sonho à realidade, o campo de golfe abre no início de abril com o primeiro circuito, de nove buracos, após um investimento, sem contar com a compra dos terrenos, de cerca de quatro milhões de euros, para gerar até 40 postos de trabalho em todo o complexo, que inclui ainda um ‘clube house’ de apoio. O campo será protegido com barreiras naturais, essencialmente palmeiras que começaram a produzir localmente, no viveiro, juntamente com outras plantações, que é o verdadeiro “know-how” da família.

Comente a notícia

Obrigatório

Publicidades
© 2012 - 2021: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.