Ulisses Correia e Silva: “Governo não tem qualquer ligação com partidos da extrema direita”

27/01/2021 13:19 - Modificado em 27/01/2021 13:19
| Comentários fechados em Ulisses Correia e Silva: “Governo não tem qualquer ligação com partidos da extrema direita”

O primeiro-ministro, Ulisses Correia e Silva, garantiu hoje que o Governo do MpD “não tem qualquer ligação com partidos da extrema direita”, pelo que o executivo está “satisfeito” com esta posição.

Ulisses Correia e Silva fez este esclarecimento no parlamento, na sequência das últimas notícias acerca da nomeação do cônsul de Cabo Verde na Flórida que resultou na demissão do ministro dos Negócios Estrangeiros cabo-verdiano.

O PM começou por se referir a Cabo Verde como um “país respeitado” no mundo pela sua credibilidade externa, assente no estado de Direito democrático, na estabilidade, paz social, segurança, boa governação e resiliência.

Nisto, asseverou, esta tentativa é visível no comportamento da oposição, atingindo o ponto mais alto com um esforço titânico de ligar o Governo e o partido que o suporta à extrema direita, considerando ser “ridícula e de uma grande irresponsabilidade” esta atitude.

“Há, no entanto, que separar e distinguir o desejo de manchar a reputação do Governo e a realidade e evidências. A diplomacia cabo-verdiana é credível e respeitada, com uma política externa consistente e assente em opções clara. O Governo não tem qualquer ligação com partidos da extrema direita” destacou.

De resto, o debate desta manhã girou a volta da nomeação do cônsul de Cabo Verde na Flórida, Caesar dePaço, que motivou várias reações dos três partidos com assento parlamentar, tendo o PAICV, através do seu líder parlamentar, Rui Semedo, acusado o MpD de estar ligado a partidos “xenófobos e racistas” o que mancha o nome do país a nível internacional.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2022: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.