Defesa teme sequestro de Alex Saab, mas espera que EUA respeitem Cabo Verde

22/01/2021 17:45 - Modificado em 22/01/2021 17:45
| Comentários fechados em Defesa teme sequestro de Alex Saab, mas espera que EUA respeitem Cabo Verde

Equipa de defesa considera haver risco de os Estados Unidos sequestrarem Alex Saab depois de este ser colocado em prisão domiciliária.

A defesa de Alex Saab, que está na iminência de passar da detenção efectiva para a prisão domiciliária na ilha do Sal, em Cabo Verde, onde foi privado da liberdade no dia 12 de Julho de 2020 a pedido de um tribunal de Miami, manifestou hoje o receio de que o mesmo possa vir a ser alvo de sequestro e de extradição extra-judicial para os Estados Unidos.

O processo está a decorrer desde então e Alex Saab beneficiou ontem de uma decisão do Tribunal da Relação de Barlavento (TBR), que mandou coloca-lo em prisão domiciliária por solicitação da Procuradoria Geral da República (PGR) pelo facto de se ter já esgotado o prazo (de 80 dias) de detenção provisória para efeitos de extradição.

“Esse risco realmente existe e estamos a fazer tudo, através da montagem de um sistema de segurança sólido, tanto pelo Estado como da nossa parte, para o diminuir”, apontou José Manuel Pinto Monteiro, fazendo lembrar que “há casos em que os Estados Unidos procederam à abdução de pessoas fora do seu território para serem julgados lá”.  

Um das coisas que poderá impedir tal evento, segundo o advogado, é que “os Estados Unidos respeitarão Cabo Verde e não farão uma acção desse tipo”.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2022: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.