Sem festas de passagem de ano vendas caem “drasticamente” no Mindelo

30/12/2020 23:23 - Modificado em 30/12/2020 23:23
| Comentários fechados em Sem festas de passagem de ano vendas caem “drasticamente” no Mindelo

Devido a covid-19 e como medida de combate a sua propagação, as autoridades competentes proibiram a realização de festas de passagem de ano, o que faz com que as vendas diminuam drasticamente no Mindelo, visto que a pretensão de alguns mindelenses com quem falamos é passar essa celebração confinados em casa.

Restrição, limitações, proibições e outras medidas que custam a todos, mas que se justificam na prevenção e protecção contra a covid-19, como assegura Marcos Fonseca, que garante que neste ano “atípico” vai passar o momento “especial” em casa com a família.

“Foi um ano muito difícil. Basta haver saúde e estar junto da família não interessa se vai haver ou não festas de passagem de ano. A covid-19 cimentou a crise que já antes era sentida e por isso não havia na mesma condições de festejar em outros locais” explica.

A mesma opinião tem Josefa Andrade, que acrescenta que com a covid-19 o poder de compra diminuiu “drasticamente” e que neste sentido não há forma de fazer grandes compras e muito menos dinheiro para participar em festas e as despesas adjacentes a elas.

Já os comerciantes, principalmente da Praça Estrela, são unânimes em garantir que o movimento por esta quadra festiva “tem sido muito fraco”, onde apresentam opções variadas de roupas, sapatos entre outros afins, mas que as pessoas não querem ou não tem condições para comprar.

“Devido a pandemia as coisas estão indo mais devagar, visto que muitas pessoas não saem de casa para celebrar. Além das restrições com certeza não há dinheiro. Nesta situação teremos que ir devagar mesmo” confidenciou-nos Maria dos Santos uma das comerciantes entrevistada.

Para além dos comerciantes da Praça Estrela, que reclamam das “vendas fracas” para este fim de ano que se avizinha e de estar a ser “pior” que o ano passado, num cenário que também não escapam as lojas dos comerciantes chineses.

Apesar da pouca saída muitos acreditam que dias melhores estão por vir.

O certo é que o espírito festivo no Mindelo se mostra tímido, muito por culpa da pandemia da covid-19.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2022: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.