Beto Alves foi a enterrar este domingo: Circunstâncias da morte continuam por esclarecer

27/12/2020 20:48 - Modificado em 27/12/2020 20:48
| Comentários fechados em Beto Alves foi a enterrar este domingo: Circunstâncias da morte continuam por esclarecer
Foto: Inforpress

O falecido presidente da Câmara Municipal de Santa Catarina de Santiago, José Alves Fernandes “Beto Alves” foi a enterrar este domingo, 27, na presença de centenas de pessoas, autoridades cabo-verdianas e familiares.

Depois da morte do autarca, há precisamente três dias, no Hospital Agostinho Neto na cidade da Praia, este domingo, o mesmo foi a enterrar numa cerimónia que se iniciou com o velório no Salão Nobre nos Paços do Concelho, seguindo-se uma homenagem na praça central de Assomada, sempre sob o olhar atento de centenas de pessoas que ainda incrédulos lamentam a morte do seu edil.

A nova presidente da edilidade santa-catarinense, Jassira Monteiro, afirmou que falar de Beto Alves é sinonimo de “simplicidade e humildade” e de ser um exemplo, porque não era de “muitas palavras, mas sim de ação”.

“Não podemos deixar cair a bandeira de Beto Alves, pelo que peço união de todos os santa-catarinenses para estarem à altura do seu legado e do seu exemplo” salientou.

Já o primeiro-ministro de Cabo Verde, Ulisses Correia e Silva, lamentou a “perda prematura” de Beto Alves, tornando o momento “muito difícil” para toda a população e não só, ao que apela a capacidade de superação.

“Beto Alves foi um bom presidente de câmara municipal, dedicado e empenhado, comprometido com o desenvolvimento do seu concelho, Santa Catarina, a terra que o viu nascer, crescer e partir” vincou.

Nesta cerimónia marcou presença o Presidente da República Jorge Carlos Fonseca, membros do Governo, deputados, autarcas, representantes de partidos políticos entre outros.

No entanto, as investigações continuam em curso, depois de Beto Alves ter sido encontrado baleado na varanda da sua casa, na cidade de Assomada na madrugada de terça-feira.

Apesar de a PJ ter afirmado que tudo aponta “tratar-se de uma tentativa de suicídio”, as investigações continuam para “cabal esclarecimento do caso”.

De realçar que Beto Alves de 44 anos, foi reconduzido no cargo de presidente da Câmara Municipal de Santa Catarina no passado dia 25 de outubro.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2022: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.