Aos 21 anos bebe a 1.ª cerveja. Foi paga pelo pai que morreu há seis anos

21/12/2020 13:29 - Modificado em 21/12/2020 13:29

Homem morreu de cancro mas quis garantir que a primeira cerveja do filho fosse paga por si, mesmo já não estando presente.

© Twitter

Quando Matt Goodman completou 21 anos, o seu maior desejo era que o pai estivesse presente. John morreu há seis anos, vítima de cancro, mas já nessa altura se preparou para estar presente na vida do filho, mesmo que não em carne e osso.

Este foi um segredo guardado pela mãe e irmã de Matt até ao dia em que completou 21 anos, idade mínima obrigatória para se poder comprar bebidas alcoólicas, nos EUA.

Para ele, tinha reservado 10 dólares, dinheiro que o pai quis que fosse entregue ao filho, para poder ser ele a pagar a sua primeira cerveja.

Assim, no passado dia 6 de dezembro, o jovem usou o dinheiro deixado pelo pai para comprar a sua primeira bebida alcoólica de forma legal. “Foi, provavelmente, o melhor presente que alguma vez recebi”, conta à CNN.

O filho recorda John como o seu “melhor amigo” e alguém capaz de “fazer de tudo para o ver feliz”.

O jovem acabou por partilhar nas redes sociais a história e o momento em que bebeu a dita cerveja. A publicação tornou-se viral e chegou mesmo ao conhecimento da marca de cerveja que este optou por beber naquele dia.

Como recompensa, a Budweiser enviou-lhe oito grades de cerveja, para que não se fique apenas pela primeira.

Foto: Twitter

Em Notícias ao Minuto

Comente a notícia

Obrigatório

Publicidades
© 2012 - 2020: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.