Violador em série condenado a 897 anos de prisão nos EUA

19/12/2020 21:13 - Modificado em 19/12/2020 21:13
| Comentários fechados em Violador em série condenado a 897 anos de prisão nos EUA

Roy Charles Walles aterrorizou a Califórnia entre 1991 e 2006.

© DR

Roy Charles Walles, um violador em série que aterrorizou o norte da Califórnia, nos EUA, durante cerca de 15 anos, vai passar o resto da sua vida atrás das grades.

O criminoso, que ficou conhecido como ‘Violador de NorCal’, foi condenado esta sexta-feira a 897 anos de prisão, por 46 crimes de sequestro, abuso sexual e violação.

Os crimes, conta a CNN, aconteceram entre 1991 e 2006 e tiveram como vítimas nove mulheres que, durante mais de uma década, lutaram por justiça.

Em tribunal ficou provado que Waller, agora com 60 anos, arrombava as casas das vítimas e manietava-as para depois as agredir sexualmente. Em alguns casos chegou mesmo a roubar alguns objetos valiosos às vítimas.

O violador só foi detido em 2018 depois de ter ficado provado, através de uma “tecnologia de ponta” que o ADN estava presente em, pelo menos, seis dos nove cenários onde ocorreram as violações.

Além das nove vítimas, testemunharam polícias reformados, detetives, enfermeiras e investigadores forenses especializados em agressões sexuais.

O advogado de Defesa já reagiu à sentença e disse que o seu cliente garante que é inocente, por isso, vai recorrer.

Em Notícias ao Minuto

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2022: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.