Rússia banida do Mundial do Qatar e dos Jogos Olímpicos de Tóquio

17/12/2020 17:14 - Modificado em 17/12/2020 17:15
| Comentários fechados em Rússia banida do Mundial do Qatar e dos Jogos Olímpicos de Tóquio

Em causa o incumprimento das regras antidoping.

Foto: Reuters

A Rússia foi excluída por dois anos das principais competições desportivas mundiais, entre as quais os Jogos Olímpicos Tóquio’2020, adiados para 2021, e também o Mundial de futebol do Qatar de 2022, por incumprimento das regras antidoping, anunciou esta quinta-feira o Tribunal Arbitral do Desporto (TAS).

A decisão, que também proíbe a participação da Rússia nos Jogos Olímpicos de Inverno Pequim’2022, é metade da sanção proposta pela Agência Mundial Antidopagem (AMA), que tinha pedido quatros anos de suspensão. Esta punição irá durar até 16 de dezembro de 2022, praticamente um mês depois do arranque do Mundial de 2022 a realizar no Qatar.

Os atletas russos que nunca tenham sido sancionados por doping poderão, de acordo com a decisão, participar em competições internacionais, mas sob bandeira neutra.

Europeu’2020 salva-se

Ao contrário do que sucede com o Mundial de 2022, a Rússia poderá marcar presença no Europeu de 2021, já que a prova organizada pela UEFA não é considerada como uma grande competição internacional a nível de regulamentos antidoping.

Por Lusa

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2022: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.