Estados Unidos concede 200 mil dólares à UNICEF Cabo Verde para reforçar a resposta do país à pandemia da COVID-19

14/12/2020 23:47 - Modificado em 14/12/2020 23:47
| Comentários fechados em Estados Unidos concede 200 mil dólares à UNICEF Cabo Verde para reforçar a resposta do país à pandemia da COVID-19

A Administração norte-americana concedeu a Cabo Verde, através do Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF), um montante de 200 mil dólares para o reforço da resposta nacional à pandemia COVID-19.

Este montante, enquadra-se no âmbito do plano de actividades da Agência dos Estados Unidos para o Desenvolvimento Internacional (USAID) e cujas acções financiadas irão focar em quatro áreas de intervenção.

São elas as áreas de comunicação de risco engajamento da comunidade para estimulara a adoção de comportamentos positivos, obtenção de informações sobre direitos e serviços disponíveis, promover o engajamento e participação efetiva das populações, especialmente crianças, adolescentes/jovens, mulheres e as populações mais vulneráveis, e ainda, assegurar mecanismos de respostas às preocupações da comunidade, prevenir rumores e informar sobre as decisões tomadas.

Em segundo o diagnóstico precoce abrangendo diferentes ilhas e a nível descentralizado, bem como a recolha de dados e a continuidade dos serviços essenciais para o cumprimento dos direitos de todas as crianças e adolescentes, especialmente as mais desfavorecidas, a nível nacional.

Com estas ações, conforme comunicado divulgado pela Embaixada norte-americana na Praia, espera-se que a população beneficiária adquira um profundo conhecimento sobre atitudes e práticas para prevenir a COVID-19.

Por outro lado, refere ainda que as medidas irão permitir que se faça uma avaliação sobre o impacto do COVID-19 nas crianças e mulheres, “que por sua vez, contribuirá para a adequação das estratégias nacionais e para uma campanha pública de informação, com foco nas medidas de prevenção da COVID-19, baseadas na realidade e necessidades de informação da população beneficiária, especialmente adolescentes e jovens”.

As medidas de apoio incluem também formação e capacitação sobre comunicação de risco e engajamento comunitário, para 22 associações locais, ONGs e técnicos de saúde, lideranças e associações juvenis, abrangendo todos os municípios do país.

 Ainda fazem parte do pacote da ajuda ações para garantir a continuidade de serviços essenciais em todos os centros de Saúde do país, nomeadamente o reforço do Programa Alargado de Vacinação e do Programa de Nutrição.

O fundo será coordenado pela UNICEF e as ações executadas pelos ministérios da Saúde e Segurança Social e Educação.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2022: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.