Campanha de proteção de tartarugas regista quase 144 mil ninhos de tartarugas

26/11/2020 01:33 - Modificado em 26/11/2020 01:33
| Comentários fechados em Campanha de proteção de tartarugas regista quase 144 mil ninhos de tartarugas

Conforme apontam dados provisórios da campanha de 2020 o país tem um registo de 143.930 ninhos de tartarugas, mais do dobro dos 60.917 contabilizados no ano anterior, o que significa um recorde nacional.

As ilhas da Boa Vista, Sal e Maio são as que contribuem com mais de 95% das desovas no país e que de acordo com diretor nacional do Ambiente, Alexandre Rodrigues, citado pela Lusa, a campanha de 2020 está a ser a melhor de sempre em termos de números de ninhos registados.

Em Cabo Verde os dados apontam que de mil ovos eclodidos, apenas uma tartaruga chega à vida adulta, mas o diretor nacional do Ambiente disse que as autoridades cabo-verdianas estão a criar condições para aumentar essa taxa.

Os mesmos dados provisórios apontam também para uma diminuição da captura de tartarugas marinhas este ano em Cabo Verde, com 1,61%, menor do que os 2,08% identificados no ano passado.

O segundo melhor ano de nidificação das tartarugas marinhas em Cabo Verde tinha sido em 2018, com um total de 109.126 ninhos registados, muito mais do que os 44.035 de 2017, os 30.470 do ano de 2016 e dos 10.725 no ano anterior.

Alexandre Rodrigues alertou que existe uma “probabilidade forte” de aumento de capturas durante a campanha deste ano devido aos efeitos da covid-19, que fez com que as associações tivessem menos voluntários internacionais na monitorização e menos capacidade de fiscalização através da Polícia Nacional e das Forças Armadas.

A campanha desde ano foi a que registou o maior número de fêmeas, estando neste momento em 28.786, mais do que as 11.406 do ano passado e das 21.825 de há dois anos.

Desde 2016 que as autoridades cabo-verdianas estão a financiar 11 associações comunitárias e organizações em todas as ilhas, e são monitorizadas cerca de 167 quilómetros de praias em todo o território nacional.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2022: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.