Transportadora aérea cabo-verdiana transportou 100 pessoas em evacuações médicas este ano

27/10/2020 00:37 - Modificado em 27/10/2020 00:37
| Comentários fechados em Transportadora aérea cabo-verdiana transportou 100 pessoas em evacuações médicas este ano

Os aviões da transportadora aérea cabo-verdiana TICV já garantiram evacuações médicas em maca, entre as ilhas do arquipélago, de quase 100 pessoas este ano, um aumento de 67% face ao mesmo período de 2018, anunciou a companhia.

Em comunicado, a Transportes Interilhas de Cabo Verde (TICV) refere que até Outubro o total de pacientes em evacuações médicas nos aviões daquela companhia aérea já chegou aos 400.

Destes, 100 foram transportados em maca, número que compara com os 60 de 2019, também até Outubro e “uma parte significativa assegurada em voos especialmente realizados durante a suspensão das ligações domésticas”, que vigorou de final de Março até 15 de Julho, por decisão do Governo, devido à pandemia de covid-19.

Citada no comunicado, a diretora comercial da companhia admite as evacuações médicas contribuem para 15% dos atrasos dos voos da TICV, mas que “só foram possíveis devido à dedicação de vários intervenientes”, desde a própria equipa aos elementos da empresa aeroportuária e as autoridades de saúde em cada ilha.

Marina Ferreira assume que a TICV “mais do que ninguém” conhece as “dificuldades e os custos de deslocação” num país como Cabo Verde, daí destacar a importância deste tipo de operação, que garante seguir “os protocolos e as instruções acordadas” e bem como as normas internacionais definidas pelas entidades da aviação civil.

A empresa foi levada a tribunal em Cabo Verde nos últimos anos em duas ocasiões, que aguardam desfecho final, pela recusa na realização de evacuações médicas, tendo alegado, como base da decisão das suas equipas, o incumprimento das normas nacionais e internacionais para este tipo de transporte e o risco que essas evacuações não autorizadas representavam para os passageiros e tripulação dos respetivos voos.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2020: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.