SINDPROF apela ao ME que encerre as escolas e aponta exemplo da Escola Jorge Barbosa em São Vicente

19/10/2020 14:07 - Modificado em 19/10/2020 14:07
| Comentários fechados em SINDPROF apela ao ME que encerre as escolas e aponta exemplo da Escola Jorge Barbosa em São Vicente

O Sindicato Democrático dos Professores – SINDPROF, apelou hoje ao Ministério da Educação para encerrar as escolas do país, devido ao aumento do número de casos de covid-19 em alunos e professores que frequentam os estabelecimentos de ensino.

Através de uma nota o SINDPROF começa por questionar o Ministério da Educação, do que está à espera para encerrar as escolas do país, visto que é do conhecimento de todos que o vírus da pandemia da COVID-19 está presente na maioria das escolas do país.

Nisto, sustenta que algumas já foram encerradas, outras continuam a funcionar na normalidade mesmo depois de se ter detectado casos positivos em professores e alunos. “É o caso do Liceu Amílcar Cabral em Assomada, Jorge Barbosa em São Vicente e a Escola de Vale de Custa e Praia Baixo em São Domingos” aponta.

“A pergunta que se coloca neste instante é o que o Ministério da Educação está à espera para fechar estas escolas? Não há condições para se prosseguir com as aulas. Pois, o vírus está entre nós” avança.

Para o SINDPROF se umas escolas continuarem a funcionar e outras encerradas, “não vai haver uma unificação de conteúdos”. Por isso garante que, neste momento, o “mais importante é salvar vidas humanas, o bem mais precioso”.

Por fim, o sindicato pede ao Conselho de Ministros que avalie “urgentemente” a situação da presença do vírus nas escolas e nos jardins-de-infância, a fim de evitar a propagação do contágio no seio da comunidade educativa.

De realçar que até ao momento mais de cinco escolas do país já foram encerradas, depois de terem sido detetados casos de covid-19 em alunos e professores.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2022: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.