Impacto da COVID-19 na Pessoa Idosa em Cabo Verde

13/10/2020 00:19 - Modificado em 13/10/2020 00:19
| Comentários fechados em Impacto da COVID-19 na Pessoa Idosa em Cabo Verde

O Dia Internacional da Pessoa Idosa foi assinalado no passado dia 01 de outubro, sob o lema, “As pandemias mudam a forma como encaramos a idade e o envelhecimento”.

E é neste âmbito que a Direcção Nacional de Saúde (DNS), através do Programa de Saúde do Idoso (PSI), em parceria com Instituto Nacional de Saúde Publica (INSP), realiza no dia 13 de outubro, na sala de reuniões do Ministério da Saúde e Segurança Social (MSSS), um Webinar sobre o “Impacto do COVID-19 na Pessoa Idosa em Cabo Verde”.

Numa mensagem alusiva ao dia, a Comissão Nacional para os Direitos Humanos e a Cidadania pede às pessoas para agirem de forma mais concertada, na proteção dos direitos dos nossos idosos que, enquanto seres humanos, necessitam de uma atenção especial.

“O atual contexto de pandemia da Covid-19 tem sido particularmente marcante para a população idosa por motivos diversos, particularmente porque temos sido confrontados com uma ampliação da vulnerabilidade deste grupo, sobretudo no que se refere à preservação do direito à saúde, do direito à vida, do direito à dignidade”.

E por serem considerados como um grupo de risco no que se refere à Covid-19, como medida de proteção os idosos foram obrigados a um isolamento físico dos familiares, amigos e sociedade em geral. “Esta situação tem contribuído para agravar a situação de solidão em que muitos já viviam e intensificado as fragilidades a nível da alimentação, habitação, entre outras. Este contexto difícil tem tido implicações a nível da saúde física e mental dos idosos, já que muitos viram-se confrontados com sérias dificuldades no acesso ao tratamento de outras patologias crónicas associadas ao envelhecimento” avança. 

Por outro lado, a esperança de vida dos idosos, a própria forma como se tem lidado com a morte de pessoas idosas por Covid-19 deve ser motivo de reflexão e interpelar-nos a evitar o risco de se desvalorizar a perda de vidas humanas, independentemente da fase de vida em que a pessoa se encontra.

Aos idosos do nosso país, uma especial palavra de apreço por todos os ensinamentos, pela sabedoria, pelos bons exemplos, trabalho e contributo para a construção desta nação.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2022: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.